Sheik bilionário tentou comprar o São Paulo? Entenda

·1 min de leitura
Mohamad bin Salman é o novo dono do Newcastle (Alexander Zemliancheko/Getty Images)

O São Paulo recebeu recentemente a visita de um emissário saudita no Morumbi. Enquanto isso, na Itália, surgiu a notícia que Mohamad bin Salman, integrante da família real saudita e novo proprietário do Newcastle, está à procura de um clube para comprar no Brasil.

Tal informação foi divulgada pelo jornal italiano Libero Quotidiano, assegurando ainda que Inter de Milão e Olympique de Marselha devem ser adquiridos em breve pelo sheik, que é dono de um patrimônio estimado de US$ 434 bilhões.

Leia também:

Só a título de comparação, o sheik Mansour, dono do Manchester City, foi capaz de transformar o clube com uma conta bancária bem menor. Sua fortuna gira na casa de US$ 31 bilhões.

Mas voltando à pretensão de Mohamad bin Salman e à visita ao São Paulo. De fato, um empresário esteve no Morumbi. "Essa pessoa esteve nos visitando para falar apenas de parceria sobre um torneio de legends", diz, referindo-se ao time de veteranos.

O Blog também consultou o presidente Julio Casares sobre uma possibilidade de negociação com Bin Salman. "Não teve absolutamente nada", assegura o dirigente. O São Paulo hoje nem poderia ser comprado pelo bilionário saudita, já que é um clube sem fins lucrativos. Haveria a necessidade de ele se tornar clube-empresa antes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos