Shenzhen ordena que empresas entrem em circuito fechado para conter surto de Covid-19

Moradores fazem fila para fazer o teste de Covid-19 em Shenzhen, província de Guangdong, China

SHENZHEN, China (Reuters) - A cidade chinesa de Shenzhen disse a 100 grandes empresas, incluindo a Foxconn, para configurar sistemas de trabalho de "circuito fechado" enquanto luta contra a Covid-19, de acordo com um documento atribuído ao governo local que circula on-line na segunda-feira.

Embora a Reuters não pudesse verificar o documento de forma independente, um aviso em um escritório de Shenzhen da gigante petrolífera CNOOC visto pela Reuters dizia que o prédio ficaria fechado por sete dias até 31 de julho, com funcionários trabalhando em casa e realizando testes diários de Covid-19.

Um porta-voz da CNOOC não fez comentários imediatos. O governo de Shenzhen não respondeu a um pedido de comentário.

A Foxconn, com sede em Taiwan, disse que as operações em suas instalações em Shenzhen são "normais" e que seguirá as diretrizes do governo para garantir uma produção segura.

A determinação atribuída ao departamento de indústria e informação de Shenzhen dizia que grandes empresas, incluindo BYD, Huawei e ZTE, deveriam minimizar a entrada e saída nos chamados loops.

A Huawei não respondeu imediatamente aos pedidos de comentários, enquanto BYD, ZTE e a fabricante de drones DJI, se recusaram a comentar.

A Bloomberg informou sobre a medida de Shenzhen na segunda-feira.

Um centro de tecnologia de quase 18 milhões de pessoas, Shenzhen registrou 21 novas infecções por Covid-19 transmitidas localmente no domingo, contra 19 no dia anterior.

Embora os números de casos sejam baixos para os padrões globais, um aumento lento na última semana levou as autoridades locais a aumentar a vigilância para cumprir a política de zero-Covid do governo central de conter surtos assim que eles surgirem.

(Por Shubhendu Deshmukh, David Kirton, Zhang Yan e Yimou Lee)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos