Shopify demite 10% dos funcionários ao redor do mundo

CEO da Shopify admitiu em documento interno que errou ao prever crescimento ilimitado após COVID-19.
CEO da Shopify admitiu em documento interno que errou ao prever crescimento ilimitado após COVID-19.
  • Ao todo foram aproximadamente mil funcionários mandados embora;

  • Durante a pandemia, os negócios da Shopify dobraram, e a receita aumentou em 50%;

  • CEO da Shopify admitiu em documento interno que errou ao prever crescimento ilimitado após COVID-19.

A Shopify, plataforma de desenvolvimento de e-commerces, anunciou a demissão de aproximadamente mil trabalhadores, de acordo com um memorando interno enviado pelo CEO da empresa, Tobi Lükte.

Descoberto pelo Wall Street Journal, o documento detalha que os cortes no quadro de funcionários por conta da previsão errônea de que o comércio eletrônico continuaria a crescer na mesma taxa da pandemia de COVID-19 nos anos após o período de crise sanitária.

Durante a pandemia, a empresa viu um crescimento descomunal, com seus negócios praticamente dobrando, e um crescimento de receita registrado de 57%, ou US$ 4,6 bilhões. "Quando a pandemia de Covid se instalou, quase todo o varejo passou a ser on-line por causa de pedidos de abrigo no local. A demanda por Shopify disparou", escreveu Lütke no memorando. "Shopify sempre foi uma empresa que faz as grandes apostas estratégicas que nossos comerciantes exigem de nós - é assim que temos sucesso", afirmou o CEO.

"Apostamos que o mix de canais - a parcela de dólares que viaja através do comércio eletrônico em vez do varejo físico - avançaria permanentemente em 5 ou até 10 anos. Não podíamos ter certeza na época, mas sabíamos que, se houvesse uma chance de que isso fosse verdade, teríamos que expandir a empresa para corresponder", detalhou Lütke. "Agora está claro que a aposta não valeu a pena", escreveu Lütke. "Em última análise, fazer esta aposta era a minha decisão e eu entendi errado."

As áreas de recrutamento, suporte e vendas foram as mais afetadas pelas demissões. No memorando, o CEO acrescentou que os funcionários receberam 4 meses de salário como indenização, “mais uma semana adicional para cada ano de mandato na Shopify”.

As demissões da empresa vem em meio a uma crise global no setor de tecnologia nos últimos meses. De acordo com a Crunchbase News, que realiza o monitoramento das demissões na área, mais de 30 mil trabalhadores de tecnologia foram demitidos em 2022 nos Estados Unidos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos