Site afirma que Warner só tem dinheiro para lançar mais três filmes em 2022

Cancelamento do filme Batgirl provocou uma onda de choques pela indústria do cinema e abriu os olhos do público para o futuro da fusão entre a WarnerMedia e a Discovery (Photo Illustration by Rafael Henrique/SOPA Images/LightRocket via Getty Images)
Cancelamento do filme Batgirl provocou uma onda de choques pela indústria do cinema e abriu os olhos do público para o futuro da fusão entre a WarnerMedia e a Discovery (Photo Illustration by Rafael Henrique/SOPA Images/LightRocket via Getty Images)
  • Orçamento da Warner Bros só permitiria o lançamento de mais três filmes em 2022

  • Rumores indicam que a companhia deve dispensar cerca de 70% de seus funcionários de desenvolvimento

  • Situação financeira imprevisível fez com que a tão esperada sequência "Aquaman: O Reino Perdido" precisasse de mais tempo na pós-produção

O site The Hollywood Reporter fez uma publicação a respeito da situação financeira da Warner Bros e informou que orçamento disponível da empresa seria suficiente apenas para o lançamento de mais três filmes no cinema em 2022: Don't Worry Darling (em 23 de setembro), Adão Negro (em 21 de outubro), e House Party (em 9 de dezembro).

No início de agosto, o Canaltech, com informações de uma reportagem exclusiva do site The Wrap, afirmou que a companhia deve dispensar cerca de 70% de seus funcionários de desenvolvimento, o que também pode significar que a HBO Max será extinta.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 MinutosA situação financeira imprevisível fez com que a tão esperada sequência "Aquaman: O Reino Perdido" precisasse de mais tempo na pós-produção, fazendo com que sua estreia fosse adiada. Planejado para 17 de março do próximo ano, o filme agora deverá ser lançado em 25 de dezembro de 2023.

Incertezas

O filme da Batgirl, que estava para estrear exclusivamente na plataforma HBO Max, foi cancelado repentinamente. A notícia provocou uma onda de choques pela indústria do cinema e abriu os olhos do público para o futuro da fusão entre a WarnerMedia e a Discovery.

Isto porque o filme já estava basicamente pronto, já tendo completado as filmagens e o processo de pós-produção, além de contar com atores de peso como J.K. Simmons, Brendan Fraser e Michael Keaton, além da protagonista Leslie Grace.

O que teria levado a Warner Bros. Discovery a cancelar o filme dessa forma? Pelo que parece, de acordo com fontes da empresa ouvidas pela revista Variety: economizar impostos.

Lançar o filme diretamente na HBO Max pode até parecer uma estratégia sólida nesse caso, mas fontes internas da empresa afirmam que ele, junto de outros projetos cancelados, serão utilizados na hora de deduzir impostos da Warner Bros. Discovery sob a justificativa de uma mudança de estratégia pós-fusão.