Snap contrata primeira diretora global de segurança de plataforma

·2 minuto de leitura
Logotipo do Snapchat.

Por Elizabeth Culliford

(Reuters) - A dona do Snapchat afirmou nesta quarta-feira que contratou sua primeira diretora global de segurança de plataforma, no momento em que empresas de redes sociais são pressionadas por reguladores e parlamentares.

A Snap contratou Jacqueline Beauchere para cuidar de questões de segurança com reguladores, parlamentares e parceiros e assessorar a empresa em novas políticas e iniciativas.

Beauchere ficou mais de 20 anos na Microsoft, incluindo como diretora de segurança online.

Ativistas de segurança infantil e parlamentares dos EUA têm alertado para uma série de problemas que os usuários enfrentam em plataformas online, incluindo impactos à saúde mental e potenciais abusos, de bullying à exploração sexual infantil.

"Estamos comprometidos em ajudar pais, acionistas e ativistas a entenderem como pessoas jovens experimentam nossos produtos e como abordamos questões críticas sobre segurança e confiança", afirmou a vice-presidente de política global da Snap, Jen Stout, em comunicado.

Grandes empresas de tecnologia competem para desenvolver dispositivos inteligentes e produtos de realidade aumentada. Eles representam novos desafios de segurança e privacidade, uma vez que invadem espaços privados das pessoas.

Neste ano, a Snap lançou óculos de Realidade Aumentada, embora disponíveis apenas para desenvolvedores. Semana passada, o Facebook apresentou seus primeiros óculos inteligentes.

Embora o foco da Snap em mensagens com fotos forneça menos mecanismos para conteúdos virais do que outras redes sociais, ela está sendo pressionada a lidar com questões de segurança para usuários mais jovens. A plataforma é usada por crianças entre 9 e 12 anos, apesar das regras que limitam a idade, segundo um relatório da organização sem fins lucrativos Thorn.

Stout disse que a Snap está desenvolvendo tecnologias para impedir que menores de 13 anos se inscrevam no aplicativo e reformulando ferramentas de denúncias com atualizações mais detalhadas para relatos abusos na plataforma.

((Tradução Redação São Paulo))

REUTERS AAP

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos