Soldados isolam capital da Gâmbia após tiroteio durante a noite

BANJUL (Reuters) - Um tiroteio aconteceu em Banjul, capital da Gâmbia, durante a noite e soldados bloquearam a ponte que leva ao centro da cidade costeira, e a mídia local noticiou uma tentativa de golpe. Um diplomata disse que homens armados não identificados atacaram a sede do governo durante a noite, mas que o tiroteio parou algum tempo depois. A mídia local e diplomatas disseram que o presidente da Gâmbia, Yahya Jammeh, estava na França no momento do atentado. Jammeh, que chegou ao poder ele próprio através de um golpe há 20 anos, tem sufocado a dissidência no pequeno país da África Ocidental e vem enfrentando críticas vindas de fora por causa de seu histórico de desrespeito aos direitos humanos. Nos últimos anos, Jammeh rearranjou com frequência as posições de oficiais militares e autoridades civis, de modo a prevenir que indivíduos se tornassem poderosos demais, mas preservou a estabilidade no país. Bancos e outros negócios se mantiveram fechados nesta terça-feira, disseram moradores. A rádio estatal não fez referência ao incidente. Não houve confirmação oficial sobre os relatos do atentado no Twitter e na mídia a respeito da tentativa de golpe. (Reportagem de Bate Felix)