Son treina com máscara protetora e anima torcida da Coreia do Sul

Son Heung-min usou uma máscara de proteção em treino da seleção coreana visando a Copa do Mundo. Foto: Jung Yeon-je/ AFP via Getty Images
Son Heung-min usou uma máscara de proteção em treino da seleção coreana visando a Copa do Mundo. Foto: Jung Yeon-je/ AFP via Getty Images

Son Heung-min foi fotografado treinando usando uma máscara facial pela primeira vez antes da Copa do Mundo no Catar. O astro sul-coreano ainda é dúvida para o torneio após sofrer uma fratura na órbita ocular durante a Liga dos Campeões do Tottenham contra o Olympique de Marselha no início do mês.

Ele rapidamente passou por uma cirurgia na área lesionada e perdeu os últimos três jogos do Tottenham antes da parada para a Copa do Mundo.

Leia também:

Houve preocupações sobre se o jogador de 30 anos estaria apto a tempo para o Catar, antes de Son confirmar em uma mensagem nas redes sociais que estaria pronto para o torneio.

Depois de anunciar sua convocação para a Copa do Mundo no sábado (12), o técnico da Coreia do Sul, Paulo Bento, disse sobre a condição física de Son: “Estamos em contato com ele, com o departamento médico do Tottenham, mas sobre a hora exata, o dia exato em que ele pode treinar com a equipe”, explicou.

“Precisamos analisar dia a dia a situação dele. Temos tempo para decidir e o mais importante é que ele se recupere o melhor possível, se sinta confortável e depois tomaremos a decisão final”, seguiu.

Os torcedores sul-coreanos ficaram animados ao ver seu craque voltar aos treinos, embora com a máscara facial - oito dias antes do início da Copa do Mundo contra o Uruguai, em 24 de novembro.

O país foi sorteado para o Grupo H do torneio, que também incluirá confrontos com Gana e Portugal.

Son fraturou o osso orbital do rosto durante o primeiro tempo do jogo da Liga dos Campeões do Tottenham contra o Marselha em 1º de novembro. Ele bateu de cabeça com o zagueiro Chancel Mbemba e foi forçado a sair ferido.

Son fez sua estreia pela Coreia do Sul em 2010 e fez 104 partidas pelo seu país, marcando 35 gols.