Soro anti-covid recebe aval da Anvisa para testes em humanos

·1 minuto de leitura
ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária ( National Health Surveillance Agency ).  Brasilia, Federal District - Brazil. January, 03, 2021.
ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária ( National Health Surveillance Agency ). Brasilia, Federal District - Brazil. January, 03, 2021.
  • Soro foi desenvolvido pelo Instituto Butantan, em São Paulo

  • Soro possui anticorpos contra o novo coronavírus

  • Testes serão realizados em pacientes do Hospital do Rim e do Hospital das Clínicas, em São Paulo

O soro anti-covid, desenvolvido pelo Instituto Butantan, recebeu nesta terça-feira (25) autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para início de testes em humanos.

A pesquisa já havia recebido um parecer favorável da Agência no dia 24 de março, mas mediante um Termo de Compromisso que requeria a entrega de informações extras, não disponíveis na época.

Leia também

Após a submissão de novo protocolo clínico, adequando o estudo para testes em humanos, a Anvisa emitiu a autorização.

O soro consiste em anticorpos contra o coronavírus e que pode ser administrado em pacientes que apresentem os primeiros sintomas de infecção. O Instituto divulgou, em março, que os testes clínicos seriam realizados com pacientes transplantados do Hospital do Rim e pacientes com comorbidades do Hospital da Clínica, em São Paulo. Os responsáveis pelos testes serão, respectivamente, os médicos José Medina e Esper Kallas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos