Soul da Tribo: evento on-line reúne músicos de rap e reggae

Priscilla Aguiar Litwak
·2 minuto de leitura

NITERÓI — No que depender do Festival Soul da Tribo, o domingo de Páscoa em família e em casa será regado a muita música. O espírito de solidariedade da data também estará presente no evento. O festival reunirá artistas do universo do rap e do reggae, quase todos de Niterói, em uma live que arrecadará doações para a Orquestra de Cordas da Grota. A transmissão on-line e gratuita começa às 17h, pelo canal do evento no YouTube (Soul da Tribo Oficial).

Na programação, o público contará com o som do músico Daniel Profeta, seguido pela banda Nayah e pelos rappers De Leve e Delacruz, o único carioca entre os niteroienses. A apresentação será conduzida por MC Coé, acompanhado pelas intervenções do DJ Saci em um cenário assinado pelo artista plástico e grafiteiro Acme.

Para a produtora cultural Thaís Pereira, idealizadora do Soul da Tribo, o evento vai unir as famílias no domingo de Páscoa em torno da música e de sua diversidade, que passeia entre o rap e o reggae.

— Essa convergência está presente na identidade musical de Niterói, que pode ser compartilhada com diversas tribos. A campanha de solidariedade que ocorrerá durante a live reforça nosso compromisso com a diversidade e a arte ao buscar potencializar os programas da Orquestra da Grota, que há mais de 30 anos promove ações de cidadania por meio de atividades culturais, contribuindo para o desenvolvimento pessoal de quem se encontra em situação de vulnerabilidade. Atualmente, mais de mil crianças e jovens são atendidos pelo projeto — ressalta ela.

Na abertura do festival, o cantor e compositor Daniel Profeta vai embalar os ouvintes com músicas ritmadas nas batidas de tambores e letras sobre conscientização social e ambiental.

— Vamos levar a quem sintonizar na live músicas como “Puro sentimento” e “Toque primitivo”, do álbum “Foi Jah quem mandou”, que completa uma década este ano, e canções que integram nosso último lançamento, o disco “Papo reto” — destaca o cantor e compositor.

Já a banda Nayah trará em seu repertório composições de três álbuns autorais, que misturam reggae, rap e rock. Na sequência, sobe ao palco o rapper De Leve, apresentando o humor ácido e o sarcasmo que tornam suas críticas sociais bem-humoradas ainda mais agudas. O fechamento da noite ficará por conta de Delacruz, que mistura letras românticas a um rap melódico, com influências do rock e batidas dançantes.

O Soul da Tribo Live Festival 2021 é uma realização da Gira Produções, fomentada por meio da Lei Aldir Blanc. O evento contará ainda com a participação de um intérprete de Libras.

SIGA O GLOBO-BAIRROS NO TWITTER (OGlobo_Bairros)