SP registra apenas um óbito por covid-19 e prefeitura prevê dia sem mortes na cidade

·2 min de leitura
Artistic group performs a carnival procession through the streets of the old center of Sao Paulo called ''Mourning for Life'', in Sao Paulo, Brazil, on November 2, 2021. (Photo by Cris Faga/NurPhoto via Getty Images)
Grupo de artistas realiza ação em São Paulo no dia de Finados para lembrar vítimas da covid-19. Foto: Cris Faga/NurPhoto via Getty Images.
  • Foram três dias seguidos com apenas um registro

  • Média móvel já caiu para 3,86

  • Secretario reforça importância de manter cuidados

Na última segunda-feira (1), a cidade de São Paulo registrou só uma morte por covid-19. Foi o terceiro dia seguido com apenas um registro de óbito, o que possibilitou que a média móvel em sete dias caísse para 3,86.

Os dados, no entanto, ainda poderão ser revistos, pois em feriados as notificações muitas vezes ficam represadas.

A Secretaria Municipal de Saúde celebrou o número, já que é a primeira vez que os números são tão baixos desde março de 2020, mesmo em feriados prolongados.

"Estamos muito próximos do dia em que não haverá nenhuma notificação de ocorrência de óbito", afirmou o secretário municipal de Saúde, Edson Aparecido. "Será simbólico. Terá um peso muito grande. Será a prova definitiva de que a vacinação na cidade foi exitosa no controle da epidemia".

A média móvel de óbitos é o resultado da soma do número de mortos dos sete dias anteriores dividido por sete. Não são os óbitos ocorridos na semana que necessariamente entram na conta, mas os que foram registrados no decorrer da semana. É considerada a forma mais segura de acompanhar a evolução da pandemia, já que representa bem as oscilações.

Mas o secretário reafirma que ainda são necessários cuidados.

"O fato de chegarmos ao dia simbólico em que, pela primeira vez em quase dois anos, não haverá registro de mortes não significa que novos óbitos não voltarão, infelizmente, a ocorrer. O vírus ainda circula na cidade, ainda temos internações de pessoas", diz ele.

Dessa forma, a prefeitura ainda exige o uso de máscaras na cidade e recomendando o distanciamento social.

Em outros países que já haviam praticamente retornado totalmente a vida social pós-pandemia, como China, Rússia e locais na Europa, novos casos voltaram a aparecer. A boa notícia é que a vacinação tem evitado que as mortes evoluíssem na mesma proporção.

Segundo os dados do Painel Web Covid-19 da secretaria municipal de Saúde sobre a semana analisada, sete mortes foram notificadas no dia 26 de agosto, quatro no dia 27, oito no dia 28, cinco no dia 29, um no dia 30, um no dia 31 e um no dia primeiro de novembro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos