Spoiler de 'Venom 2': Entenda cena pós-crédito e seus múltiplos desdobramentos

·3 minuto de leitura

Atenção! Contém Spoiler.

"Venom: Tempo de Carnificina" estreou nesta quinta-feira (07) nos cinemas brasileiros. Na sequência de "Venom", o anti-herói que vive em simbiose com o jornalista Eddie Brock, protagonizado por Tom Hardy, precisa derrotar um dos mais perigosos e violentos antagonistas dos quadrinhos do Homem-Aranha, o Carnificina, alter ego do serial killer Cletus Kasady. Um dos questionamentos dos fãs antes do lançamento do filme era se teria cena pós-créditos, acertou quem disse sim e, melhor que isso, o momento deixou todo mundo enlouquecido e cheio de perguntas.

Andy Serkis, diretor da produção, disse em entrevista ao site Comicbook.com que o objetivo era gerar uma provocação no público:

"A cena está abrindo mais perguntas. Quero dizer, essa era a intenção. É uma provocação. É uma provocação no sentido mais amplo da palavra".

A partir desse ponto, informações importantes do filme serão reveladas. Caso queira esperar para assistir, O GLOBO sugere que pare de ler - e clique aqui.

A cena

Em um quarto de hotel, Venom e Eddie Brock assistem televisão quando começam a conversar sobre o passado e seus próprios segredos. Venom, então, lembra ao jornalista, que ele é um fragmento da consciência coletiva de um alien que existe há milhares de anos, ou seja, há muito que Brock não sabe, porque “seu pequeno cérebro humano” poderia não aguentar.

Assim, o alienígena decide mostrar uma parte de sua história para Eddie e, enquanto os dois dividem esse momento, o cenário passa por uma modificação. O quarto em que estavam torna-se outro e a TV que assistiam está ligada em outro canal. Antes passava uma novela, agora é um boletim especial do Clarim Diário com a notícia que tomou a Times Square no final de "Homem-Aranha: Longe de Casa" mostrando que Peter Parker (Tom Holland) é o homem por trás do herói.

Os dois ficam em choque, sem entender como aquilo aconteceu. Porém, ao ver o rosto de Parker na TV, Venom grita "esse cara!".

Teorias e especulações

Agora, o MCU (Universo Cinematográfico da Marvel) e o Universo Homem-Aranha da Sony estão com as portas abertas para se cruzarem. A grande dúvida para os espectadores é como esses universos se relacionam e algumas teorias começaram a ser pensadas.

A primeira especulação é de que o boletim que Venom e Eddie Brock assistem seria simultâneo aos acontecimentos de "Longe de casa". Dessa forma, os universos se misturando, ou multiverso, não seria culpa do suposto feitiço errado do Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch), já que ele seria realizado depois, em "Homem-Aranha: Sem volta para casa". No trailer do filme, Peter Parker pede ao vingador que volte no tempo para que as pessoas não descubram que ele é o Homem-Aranha, no entanto alguma confusão acontece e as coisas não saem como esperado.

Essa ideia de que os eventos são simultâneos também acaba com a teoria de que as ações de Doutor Estranho, somadas com as da Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen) em WandaVision e com as de Sylvie (Sophia Di Martino) em Loki, acontecendo ao mesmo tempo, teriam dado origem ao multiverso.

Outro questionamento levantado é por quanto tempo esse cruzamento de universos vai valer, porque, assim, pode ser que outros vilões do mundo "Homem-Aranha" como Morbius e Kraven, o Caçador (ambos com filmes previstos) também sejam inseridos no MCU.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos