Startup de criptomoedas MoonPay é avaliada em US$3,4 bi após nova rodada de captação

·1 min de leitura

Por Mehnaz Yasmin e Niket Nishant

(Reuters) - A startup de criptomoeda MoonPay levantou 555 milhões de dólares em rodada de investimentos liderada pela Tiger Global Management e pelo fundo de hedge Coatue, uma operação que a avaliou em 3,4 bilhões de dólares.

A rodada de captação de Serie A também contou com a participação da Blossom Capital, Thrive Capital, Paradigm e NEA.

A avaliação do MoonPay ocorre no momento em que o bitcoin está sendo negociado perto de 60.000 dólares, apesar do aumento do rigor regulatório sobre ativos digitais recente.

Outras empresas também chamaram a atenção dos investidores este ano, como a startup de criptomoedas Gemini, que foi avaliada em 7,1 bilhões de dólares na semana passada em uma rodada liderada pelos empreendedores de internet Cameron e Tyler Winklevoss, na semana passada.

A FTX Trading, uma plataforma de compra e venda de criptomoedas, foi avaliada em 25 bilhões de dólares após uma rodada de financiamento no mês passado.

O MoonPay, que é lucrativo, afirma que ajuda as empresas a realizar transações de ativos digitais de maneira rápida e uniforme. O aplicativo também afirma que ajudou a Bitcoin.com, uma empresa de tecnologia de blockchain, a aumentar sua receita em mais de seis vezes.

A empresa disse que sua tecnologia para tokens não fungíveis (NFT), tokens criptográficos únicos que não podem ser replicados, também foi usada pelo mercado de NFT OpenSea.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos