Stellantis investe em Turim para impulsionar produção de veículos de baixa emissão

Por Giulio Piovaccari

TURIM, Itália (Reuters) - A Stellantis elegeu a histórica cidade automobilística italiana de Turim para um investimento na produção de veículos de baixa emissão e centro de reciclagem de carros e peças.

O grupo franco-italiano assinou um acordo com seu parceiro belga Punch Powertrain para aumentar a produção de transmissões eletrificadas de dupla embreagem (eDCT) para veículos elétricos híbridos e híbridos plug-in em sua fábrica de Mirafiori, em Turim, informou a montadora nesta terça-feira.

Produzir e vender mais veículos elétricos e híbridos é um ponto chave nos planos anunciados em março pelo presidente-executivo da Stellantis, Carlos Tavares, de dobrar a receita para 300 bilhões de euros por ano até 2030.

Tavares disse na terça-feira que o grupo está investindo um valor de "dois dígitos" de milhões de euros na atualização da caixa de câmbio, sem dar um valor preciso.

O complexo de Mirafiori também será o principal centro da empresa para o negócio de 'economia circular', com foco em recondicionamento e desmontagem de veículos e reúso de componentes, com Tavares vendo uma escassez prolongada de matérias-primas.

Autoridades sindicais disseram que a operação de reciclagem pode criar trabalho para 550 pessoas até 2025.

"A escassez de matérias-primas continuará na próxima década e achamos que podemos prolongar a vida útil dos materiais que usamos, isso será muito importante para nossa empresa", disse Tavares.

O grupo pretende aumentar as receitas de reciclagem em 10 vezes, para 2 bilhões de euros até 2030.

Tavares disse que a produção do modelo pode facilmente dobrar de 45 mil unidades em 2021 e depois triplicar, já que as restrições não estão vinculadas à capacidade ou disponibilidade de baterias, mas sim a outras peças afetadas pela crise de fornecimento de semicondutores.

Espera-se que a nova instalação inicie a produção no segundo semestre de 2024. Ela complementará a capacidade de uma fábrica na cidade francesa de Metz, abastecendo todas as fábricas relevantes da Stellantis na Europa, com uma produção anual total de 1,2 milhão de unidades nos dois sites, disse Tavares.