Suíça volta a importar ouro da Rússia, apesar da guerra

A Suíça importou ouro da Rússia pela primeira vez desde a invasão da Ucrânia, sinalizando que a postura da indústria de metais do país pode estar caminhando para uma flexibilização. Foram despachadas de navio mais de 3 tonelada de ouro russo, em maio, em direção a portos suíços.

Petróleo: China importa volume recorde de petróleo da Rússia, que supera Arábia Saudita como maior fornecedor chinês

Prisão: PF prende ex-ministro Milton Ribeiro e pastores-lobistas em operação sobre suspeitas de corrupção no MEC

O volume representou 2% das importações de ouro das refinarias suíças. A maior parte delas havia prometido não aceitar mais ouro da Rússia, desde que a Associação do Mercado de Barras de Londres havia descredenciado fabricantes de metais de Moscou.

A associação é onde se dão transações de balcão com ouro e prata. Embora não tenha havido uma proibição de fato para o refino do ouro russo, os empresários de metais europeus haviam entendido o descredenciamento como um veto, na prática.

A Suíça abriga quatro das maiores refinarias de ouro do mundo e responde por dois terços do metal refinado no planeta.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos