Sucesso exibido cinco vezes, 'A viagem' estreia no Globoplay; relembre momentos da trama

·2 minuto de leitura

Quem não morreu de medo ao ver o espírito de Alexandre (Guilherme Fontes) ou ficou curioso para descobrir a identidade do Mascarado certamente não acompanhou o sucesso "A viagem". Lançada em 1994, a produção de Wolf Maya coleciona um total de cinco exibições. Atualmente, é reprisada no Canal Viva e entrou para a coleção de novelas disponíveis no Globoplay. Até hoje, a novela que completa 27 anos faz sucesso e coleciona fãs.

Estrelada por Christiane Torloni, no papel de Diná, e Antônio Fagundes, no papel de Otávio, a novela tem a vida após a morte como trama central, se baseando na filosofia de Allan Kardec. De acordo com o Memória Globo, o sucesso fez com que as vendas de livro sobre espiritismo e cardecismo aumentasse em 50%, segundo dados levantados na época.

A história tem início com a prisão de Alexandre, um jovem problemático e usuário de drogas, e que é condenado por roubo seguido de homicídio. Na cadeia, ele comete suicídio, e promete que irá se vingar de seu irmão Raul (Miguel Falabella), seu cunhado Téo (Maurício Mattar) e do advogado Otávio, três pessoas que considera responsáveis pela sua condenação. Após tirar a própria vida, Alexandre passa a vagar pelo Vale dos Suicidas, e incorpora em diversos personagens para infernizar a vida de cada um daqueles que prometeu vingança.

Outro personagem que deu o que falar e que despertou a curiosidade dos fãs da novela foi o Mascarado. Interpretado por Breno Moroni, o Mascarado é na verdade Adonay, homem que sofreu um grave acidente no passado e que teve seu rosto desfigurado e, por isso, se esconde atrás de uma máscara. Especulação por parte do público durante toda a exibição da novela, o rosto e identidade do Mascarado foi revelada na fase final, ao se declarar para sua antiga paixão, Carmen (Suzy Rêgo), que foge com medo de sua aparência.

O Paraíso, lar das almas boas após a morte, também foi representado na novela, após a o acidente fatal de Otávio e o infarto fulminante de Diná. O local escolhido para representar o Céu era nada menos do que um campo de golfe em Nogueira, no distrito de Petrópolis, na região serrana do Rio.

Sucesso relembrado até hoje por fãs, a versão de 1994 de 'A Viagem' é, na verdade, um remake. Sua versão original é de 1975, e teve no elenco Eva Wilma (Dinah), Altair Lima (César Jordão, correspondente a Otávio), Ewerton de Castro (Alexandre) e Tony Ramos (Téo). Antônio Fagundes foi inclusive um dos atores cotados para viver Alexandre na versão original da trama.