Sumiço aparente de general alimenta rumor em Moscou

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A parada do Dia da Vitória contra a Alemanha nazista, realizada nesta segunda-feira (9), em Moscou, contou com uma aparente ausência: não surgiu em nenhuma imagem o general Valeri Gerasimov, chefe do Estado-Maior das Forças Armadas da Rússia.

Na semana passada, circulou a informação de que ele havia feito uma visita surpresa às linhas de frente na Ucrânia, o que não foi confirmado nem desmentido por Moscou.

Ao mesmo tempo, surgiram rumores de que Gerasimov, número 3 da hierarquia militar russa, tinha sido ferido por artilharia ucraniana.

Ele não desfila em carro aberto, ao contrário do número 2, o ministro da Defesa, Serguei Choigu, e um dos números 4, o chefe das Forças Terrestres, Oleg Saliukov, que é o comandante da parada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos