Supergrupo Sons of Apollo fará shows no país em abril

Sons of Apollo. Foto: Divulgação

O baterista Mike Portnoy, ex-Dream Theater, não sai do Brasil. Toca hora vem ao país para tocar com alguém ou para alguma apresentação solo, participação especial, o que der. Em abril de 2020 ele volta, mas desta vez como integrante do supergrupo Sons of Apollo. O quinteto faz ao menos dois shows: um no Rio (dia 16/4), outro em São Paulo (18/4). Os locais devem ser logo anunciados.

Portnoy montou o Sons of Apollo com o baixista Billy Sheehan, o tecladista Derek Sherinian (seu ex-colega no Dream Theater), o guitarrista Ron "Bumblefoot" Thal e o vocalista Jeff Scott Soto. A vinda ao Brasil integra a turnê que promove "MMXX" (pronuncia-se Twenty Twenty, em inglês, ou 20/20), segundo álbum do projeto, previsto para ser lançado em janeiro. O disco é o sucessor de "Psychotic Symphony", de 2017.

O som do grupo atende as influências dos integrantes e mescla metal e rock progressivo.

Além dos dois ex-colegas de Dream Theater, os músicos do Sons of Apollo têm currículos invejáveis. Soto cantou no Talisman e na banda de Yngwie Malmsteen, Sheehan tocou no Mr. Big e acompanhou David Lee Roth; e Bumblefoot participou do Guns N’ Roses.