Suspeito de ataque contra EUA em Benghazi nega culpa em sua primeira audiência

(Out/2012) Segurança em frente ao consulado americano em Benghazi

Ahmed Abu Kattala, suposto responsável pelo ataque de 2012 contra o consulado dos Estados Unidos em Benghazi, Líbia, declarou-se não culpado durante sua primeira audiência, neste sábado, diante da justiça americana, em Washington.

Abu Kattala, que tinha sido transferido para a capital dos Estados Unidos pela manhã, foi acusado de "conspiração para fornecer apoio material e recursos para terroristas" por um grande júri federal durante uma sessão realizada neste sábado, indicou o Departamento de Justiça em um comunicado.