Suspeito de ataque no Reino Unido se declara culpado

·1 minuto de leitura
Flores depositadas em 23 de junho de 2020 em memória das vítimas do ataque com faca em Reading, oeste de Londres
Flores depositadas em 23 de junho de 2020 em memória das vítimas do ataque com faca em Reading, oeste de Londres

O suposto autor do ataque de 20 de junho que matou três pessoas em Reading, uma cidade a oeste de Londres, se declarou culpado na justiça britânica nesta quarta-feira (11).

Khairi Saadallah, um refugiado líbio de 26 anos, deveria ser julgado em 30 de novembro em Londres, mas em uma audiência preliminar ele admitiu as três acusações de homicídio e as outras três acusações de tentativa de homicídio contra ele.

O jovem, que segundo sua família sofre de problemas psicológicos em decorrência da guerra na Líbia, foi detido minutos depois de esfaquear grupos de pessoas que se reuniram em um parque daquela cidade de 200 mil habitantes no dia 20 de junho.

No ataque, investigado pela polícia antiterrorista, dois cidadãos americanos e um britânico foram mortos. Três outros feridos se recuperaram.

Segundo o juiz, Saadallah negou ter planejado o ataque com premeditação e ter sido motivado ideologicamente, ao contrário do que afirma o Ministério Público, para o qual se tratou de um ataque "terrorista".

A sentença não será proferida até a semana de 7 de dezembro, especificou o magistrado.

acc/mb/cc/mvv