Suspeito de matar namorada gasta R$ 5,3 mil em cartão fraudado

·1 minuto de leitura
Brian Laundrie e Gabby Petito
Brian Laundrie e a namorada Gabby Petito viajavam juntos antes do crime acontecer
(North Port/Florida Police/Handout via REUTERS)
  • Brian Laundrie é o principal suspeito de matar sua namorada, Gabby Petito

  • Após identificar uso fraudulento de cartão de débito, o FBI emitiu um mandado de prisão contra o jovem

  • Ele está desaparecido

O FBI emitiu um mandado de prisão contra Brian Laundrie após identificar o uso fraudulento de cartão de débito. As movimentações de cerca de US$ 1 mil (R$ 5,3 mil) aconteceram entre 30 de agosto e 1º de setembro, logo após o homicídio de sua namorada, Gabby Petito. Ele é apontado como principal suspeito.

Ao que tudo indica, o cartão da Capital One pertencia à vítima de 22 anos. Laundrie está desaparecido. "É meu entendimento que o mandado de prisão para Brian Laundrie está relacionado a atividades ocorridas após a morte de Gabby Petito e não ao fato de sua morte”, disse Steve Bertolino, advogado de Laundrie, para a Insider.

Leia também:

Gabby Petito foi vista pela última vez em 24 de agosto e chegou a falar com a mãe no dia seguinte. Em 11 de setembro, a mãe relatou seu desaparecimento e oito dias depois o corpo da jovem foi encontrado no Parque Nacional Grand Teton.

A família de Laundrie procurou as autoridades para avisar que ele estava desaparecido desde esta terça-feira, 21, depois de fazer uma viagem à Reserva Carlton, na Flórida.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos