Suspeito de estupro é preso no DF; polícia tenta localizar mais vítimas

A Polícia Civil do Distrito Federal investiga se Wagner de Jesus Cardoso, de 28 anos, cometeu outros estupros além de mais dois de que é acusado. O suspeito foi preso na última quinta-feira por policiais da 1ª DP (Asa Sul). Ele é apontado como o homem que, no dia anterior, havia violentado e ameaçado uma mulher com uma faca. O crime aconteceu na véspera do aniversário da vítima, na quadra 713 Sul.

De acordo com a Polícia Civil, Cardoso foi também reconhecido por outra vítima, que sofreu uma tentativa de estupro no último dia 7, na quadra 712 Sul. Ele foi indiciado pelo crime.

O delegado-chefe adjunto da 1ª DP, Maurício Iacozzilli, divulgou uma foto de Cardoso "para que outras vítimas se sintam encorajadas a reconhecê-lo e denunciá-lo, o que poderá garantir que o envolvido fique por mais tempo atrás das grades".

Cardoso trabalhava com serviços de manutenção numa faculdade particular de Brasília. Ele foi encaminhado para a carceragem da Polícia Civil.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos