Suspeito de furtar 1.500 testes de Covid é preso em SP

·2 min de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um homem de 32 anos foi preso em flagrante, na noite de terça-feira (11), suspeito de envolvimento no furto de 1.500 testes de Covid-19 na zona norte da cidade de São Paulo. O material, avaliado em R$ 57 mil e que seria aplicado em farmácias, teria sido desviado de uma distribuidora.

Segundo a polícia, o caso ocorreu por volta das 22h20 na avenida João Simão de Castro, na Vila Medeiros. O suspeito também é investigado por falsa comunicação de crime.

De acordo Secretaria da Segurança Pública, policiais militares disseram que foram acionados para atender a uma ocorrência de roubo e, ao chegarem ao local, encontraram a suposta vítima, que relatou que trafegava pela rodovia Fernão Dias e que foi abordado por dois homens em uma moto, sendo que um deles estava armado.

Na ação, segundo afirmou, duas caixas com os 1.500 testes de Covid acabaram roubadas.

Segundo a PM, a suposta vítima afirmou que a chave de sua moto foi levada e que os testes eram destinados a uma farmácia.

"Ao buscar por mais informações, a equipe desconfiou das várias contradições do itinerário, modos operacionais dos assaltantes e como eles iriam transportar duas caixas grandes em uma moto de pequeno porte", afirmou a secretaria em nota.

Questionada novamente, segundo a PM, a suposta vítima confessou ter se apropriado dos testes, que foram deixados em uma borracharia no Belém (zona leste) para revenda no mercado paralelo e que pretendia comercializá-los por cerca de R$ 5.000.

O suspeito foi levado para o 73º DP, no Jaçanã, na zona norte, onde ele acabou preso em flagrante. A polícia não informou quais eram os modelos de testes furtados.

Essa não é o primeiro caso de furto de testes de Covid-19 em São Paulo. Em abril de 2020, a polícia prendeu 14 pessoas suspeitas no desvio de 15 mil unidades do Aeroporto Internacional de Guarulhos, na Grande SP.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos