Suzana Alves volta a desmentir Daniel sobre romance: 'Meu marido e eu estamos esperando ele falar a verdade'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Suzana Alves
    Brazilian acress, model and sex symbol
  • Flávio Saretta
    Tenista brasileiro

Suzana Alves voltou a desmentir o cantor Daniel, que afirmou, em sua biografia lançada em 2015, ter tido um caso com ela na década de 90, quando a mesma fazia um baita sucesso com a personagem Tiazinha. A atriz, hoje casada com o ex-tenista Flavio Saretta, fez um novo desabafo no Instagram negando o ocorrido e afirmando que ela e o marido esperam até hoje um esclarecimento por parte do sertanejo.

Procurei (na época) meu advogado, que era o Sérgio Dantino, para saber como poderia me defender dessas fantasias criadas por ele…Mas a justiça vem do alto. O que ele queria era ibope para vender o livro… Até hoje estou esperando o Daniel me responder sobre a verdade! Inclusive, eu e meu marido estamos esperando", desabafou ela em um comentário deixando no Instagram de Hugo Gloss.

A ex-Tiazinha ainda aproveitou para esclarecer que só entrou com um processo após o lançamento da biografia.

"O processo que eu entrei foi depois que ele lançou seu livro, não antes (risos). Como poderia saber que ele tinha criado uma história dessas... Soube pela imprensa, porque me ligaram depois que leram o livro dele".

O assunto voltou à tona após Suzana conceder uma entrevista ao podcast "Inteligência Ltda" e negar o romance.

"Eu não tive nenhum relacionamento com o Daniel. Foi o Daniel que escreveu no livro dele. É que ele teve, eu acho, um amor platônico. Para mim foi amor platônico. Mandei uma intimação para ele (para tirar essa informação do livro, na época em que foi lançado)", disse ela.

Leia mais:

Suzana disse ainda que acredita que ele era "muito ingênuo", o que teria feito, na época, o cantor fantasiar o romance:

"Acho que foi amor platônico, só pode. Ele era muito menino, muito ingênuo, e criou na cabeça dele alguma coisa. Para mim foi isso. Eu cheguei a essa conclusão para não ter que passar por coisas mais contrangedoras."

A artista relembrou que chegou a receber um presente dele, no aniversário em que completou 21 anos. Narrou que tnha um produtora, que já havia trabalhado também com Daniel. E a funcionária desejava que Suzana "se casasse" com o cantor. "Acho que era mais sonho dela, e ela colocou isso na cabeça do Daniel. Eu não sei... ele namorava. Olha, eu fiquei bem decepcionada. Ele quis dar uma aparecida aí, desculpa", acrescenta, na entrevista ao podcast.

Atualmente, Suzana tem 43 anos e é casada com Flávio Saretta. Os dois são pais do pequeno Benjamin. Já Daniel, de 53 anos, é casado com Aline de Pádua, que está grávida. Eles têm duas meninas: Lara e Luiza.

Relembre trecho da biografia de Daniel

Segundo Daniel narrou em sua biografia, o caso entre os dois teria ocorrido quando ele ainda estava com Luciana Susi, sua segunda namorada, e com quem ficou por doze anos. E partiu dele a iniciativa de procurar Tiazinha.

"Nessa fase, eu até tive um lance gostoso, que eu neguei na época, pois ainda estava com a Luciana, mas que hoje, passado tanto tempo, posso revelar: um caso com a Suzana Alves, a Tiazinha. Ela estava no auge, era uma das mulheres mais desejadas do Brasil. Eu também era louco por ela”, descreveu o cantor, na obra.

Segundo o livro, ele pediu para que um bilhete fosse entregue a ela. E ela teria recebido o recado. Ainda de acordo com a obra, os dois começaram a se falar por telefone, até que Suzana aceitou o convite para um encontro com o cantor no Rio.

“Eu estava sem carro. Fui aconselhado pela minha equipe a não sair, a não me expor. E a Tiazinha fazendo aquele sucesso todo, podia chamar atenção. Mas eu não podia deixar de vê-la. Arrisquei. Coloquei um boné e peguei um táxi. Normalmente, sento no banco da frente, mas dessa vez fui atrás, tinha que tomar todo o cuidado possível. Passei no hotel de Suzana, e ela entrou no banco de trás. O motorista do táxi nem percebeu nada. Fomos direto para o meu hotel”, consta de trecho da biografia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos