Sydney suspende toque de recolher em áreas com surtos de covid

·1 minuto de leitura
Residentes de Sydney saem de casa para se exercitar, uma das poucas exceções permitidas pelo confinamento anticovid decretado há quase três meses, em 13 de setembro de 2021 (AFP/Saeed KHAN)

As autoridades de Sydney, a maior cidade australiana, suspenderam nesta quarta-feira (15) o toque de recolher noturno decretado em áreas onde ocorreram surtos ativos de covid-19 devido à estabilização das infecções e ao aumento da vacinação.

A líder do estado de New South Wales, Gladys Berejiklian, indicou que o toque de recolher imposto em algumas áreas das 21h00 às 05h00 está suspenso, dando esperança aos habitantes de Sydney e região de um final antecipado do confinamento que já se estende por quase três meses.

"Vimos uma estabilização nos últimos dias", declarou Berejiklian, embora tenha instado os residentes a continuarem a cumprir as ordens de permanência em casa.

A maioria dos residentes do estado só pode sair de casa para comprar comida, fazer exercícios ou procurar tratamento médico. Escolas, bares, restaurantes e escritórios estão fechados desde o final de junho e os moradores não podem ir a mais de 5 quilômetros de suas casas.

Berejiklian garantiu que a maioria das restrições terminará quando 70% dos residentes forem vacinados, algo que as autoridades esperam alcançar em meados de outubro. Atualmente, 80% dos habitantes tomaram pelo menos a primeira dose.

Durante grande parte da pandemia, a Austrália conseguiu controlar a transmissão do coronavírus, até mesmo erradicá-lo, fechando suas fronteiras e agindo rapidamente em caso de algum surto. No entanto, desde junho, luta contra vários surtos ligados à variante Delta, mais contagiosa.

arb/hr/lb/dbh/lm/am

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos