Técnico do Ferroviário sobre ver jogo de rival: 'Vou namorar. Ainda não vi nenhuma calcinha depois que cheguei'

Recém-chegado ao Ferroviário, que disputa a Série C do Brasileiro, o técnico Francisco Diá fez todo mundo dar risada na entrevista depois de sua estreia, sábado, com vitória sobre a Aparecidense-GO, por 1 a 0, em Fortaleza. Quando um jornalista lhe perguntou se no dia seguinte assistiria à partida do Remo, adversário de sua equipe no dia 1º de agosto, deu uma resposta bem-humorada: "Amanhã eu vou namorar".

O repórter insistiu: "Ixi! Não vai ver o jogo?". Diá não hesitou em explicar melhor sua resposta: "Não, porque não vi nenhuma calcinha depois que cheguei. Nem dormindo eu estou, então amanhã eu vou namorar".

O treinador, porém, contou que sua equipe observaria o rival, enquanto ele estivesse "tirando o atraso". "Vou mandar o auxiliar para trabalhar, e ele passa para mim tudo com a análise de desempenho. Mas não vamos pensar no Remo ainda não. Vamos pensar no Campinense, que é o próximo adversário", encerrou ele, referindo-se à partida do próximo sábado.

Com a vitória de sábado, o Ferroviário deixou o Z4 e agora é 16º colocado na Série C, com 15 pontos, um a mais que o primeiro time na zona de rebaixamento, o Confiança.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos