Técnico de Xerém sofre acidente grave, perde filha e Flu decreta luto

Léo Percovich já havia perdido uma das filhas em acidente de carro em Minas Gerais; filho permanece internado e clube decreta luto de três dias

Tragédia no final de ano do Fluminense. Na madrugada deste domingo, o técnico Léo Percovich, recém-contratado para comandar a base de Xerém, sofreu grave acidente de carro. O veículo dirigido pelo uruguaio caiu de uma ponte de cerca de 20 metros na BR-040, em direção a Barbacena (MG). Nele estavam o ex-goleiro tricolor, a esposa e três filhos do casal.

Léo Percovich teve apenas leves escoriações e foi encaminhado à UPA de Juiz de Fora, assim como a esposa que sofreu fratura na bacia. O estado dos filhos é grave: dois estão na CTI da Santa Casa de Juiz de Fora em estado crítico e a outra filha do casal morreu ao dar entrada no HPS da cidade mineira.

O Fluminense confirma as informações, lamenta profundamente os fatos e decreta luto oficial de três dias. Representantes do clube estão a caminho de Minas para ajudar no que for preciso. A tragédia acontece cinco meses após a morte de João Pedro, filho do treinador Abel Braga.

Léo Percovich preparava a equipe do Fluminense sub-20 para a disputa da Copa São Paulo, com estreia marcada para os primeiros dias de janeiro. Ainda não se sabe se o treinador terá condições de comandar o time na competição.

Confira a nota oficial do Fluminense:

'O Fluminense confirma que, no acidente de carro acontecido na tarde deste sábado, na região de Santos Dumont (MG), na Zona da Mata, estavam o técnico da equipe sub-20 do clube, Léo Percovich, de 49 anos, a mulher e seus três filhos. Léo Percovich e a mulher foram socorridos e levados para a UPA Norte, em Juiz de Fora. O técnico sofreu escoriações leves e vai passar por exames ao longo da noite. A mulher do treinador sofreu fratura na bacia. Dos filhos do casal, um menino e uma menina estão no CTI da Santa Casa de Juiz de Fora em estado crítico e a outra filha do casal morreu ao dar entrada no HPS da cidade mineira. O clube lamenta profundamente a perda, está dando apoio ao treinador neste momento difícil e decreta luto oficial de três dias. Um staff do clube está a caminho de Juiz de Fora. Em breve, outras informações.'










E MAIS: