Tênis de Kanye West é vendido por quase R$ 10 milhões e bate recorde de mais caro do mundo

Extra
·1 minuto de leitura

Um par de tênis usados pelo rapper Kanye West foi leiloado pelo valor de US$ 1,8 milhões (R$ 9,8 na cotação atual) e se tornou o tênis mais caro já vendido no mundo. West usou os sapatos durante apresentações na premiação do Grammy em 2008. Na época, o modelo era ainda um protótipo do "Yeezy", que seria lançado pela Nike. Atualmente, o artista tem uma parceria com a Adidas.

De acordo com a casa de leilões Sotheby’s , responsável pela venda, os sapatos foram adquiridos pela empresa Rares, um marketplaceque que investe em tênis. Eles estarão disponível novamente para compra em junho.

"Estamos entusiasmados com o resultado, que quase triplicou o preço mais alto já registrado. A venda fala muito sobre o legado de Kanye como um dos designers de roupas e tênis mais influentes do nosso tempo, e da franquia Yeezy que ele construiu, que se tornou um titã da indústria", afirmou Brahm Wachter, chefe da seção de streetwear e colecionáveis ​​modernos da Sotheby’s.

O recorde anterior de tênis mais caro já vendido foi registrado em 2020 quando a casa de leilões Christie's fez a venda de um par usado pelo astro do basquete Michael Jordan em 1985 por US$ 615 mil.