Taikonautas fazem teste de acoplamento manual de nave de carga na estação espacial da China

·2 min de leitura
Taikonautas fazem teste de acoplamento manual de nave de carga na estação espacial da China
Taikonautas fazem teste de acoplamento manual de nave de carga na estação espacial da China

Na última semana, os astronautas da missão Shenzhou 13 realizaram um teste manual de encontro e atracação para testar procedimentos de emergência para naves espaciais que se acoplam à Tiangong, a estação espacial da China.

O teste complexo envolveu desencaixar a nave de carga Tianzhou 2 do módulo central da estação, chamado Tianhe. Também conhecidos como taikonautas, os tripulantes a bordo de Tianhe teleoperaram Tianzhou 2, guiando o cargueiro de volta para o módulo central e completando o procedimento de reacoplamento.

Uma visão da nave de carga Tianzhou 2 se aproximando do centro de atracação do módulo Tianhe. Imagem: CCTV
Uma visão da nave de carga Tianzhou 2 se aproximando do centro de atracação do módulo Tianhe. Imagem: CCTV

Com cerca de duas horas de duração, o teste foi concluído às 20:55 da última sexta-feira (7), pelo horário de Brasília. “Os astronautas do módulo central [Tianhe] enviam instruções de controle para separar a nave de carga Tianzhou-2 e o módulo central, e então um dos astronautas controlou manualmente a localização e a posição de toda a nave de carga para recuar a uma certa distância para a frente, e acoplá-la novamente até que o bloqueio estivesse concluído”, explicou à CCTV, principal rede de televisão chinesa, o designer geral do sistema Tianzhou da Academia de Tecnologia Espacial da China (CAST), Yang Sheng.

Leia mais:

Construção da estação espacial da China começou em 2021

Segundo Sheng, o procedimento manual de acoplamento é o plano de backup de emergência para acoplamentos de módulos para a continuação da construção em órbita da estação espacial. As naves espaciais visitantes são projetadas para realizar o encontro e o acoplamento de forma automática.

Recentemente, a tripulação também testou o uso do grande braço robótico de Tianhe para transposicionar naves espaciais de um porto de atracação para outro.

A China iniciou a construção de sua estação espacial em abril de 2021 com o lançamento do módulo central Tianhe. Dois novos módulos dedicados a experimentos estão previstos para serem lançados ainda este ano.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos