Takeoff: Rapper disse que queria 'receber flores' enquanto estivesse vivo

O rapper Takeoff, assassinado nesta madrugada durante um tiroteio no Texas, Estados Unidos, disse, há uma semana, que gostaria de "receber flores enquanto estivesse vivo".

Durante participação no programa “Drink Champs” ao lado do rapper Quavo para promover seus novos projetos como a dupla de rap Unc & Phew, Takeoff falou sobre querer reconhecimento por seu talento enquanto ainda estava vivo.

“Uma coisa que eu realmente amo no projeto é como você está brilhando. É claro que você estava brilhando antes, mas eu senti que você estava ótimo neste”, disse o co-apresentador NORE, ao rapper.

“Com certeza. Estou tranquilo, relaxado, mas é hora de estourar. Eu quero estar no meu fluxo. Hora de me darem as minhas flores. Eu não as quero quando não estiver aqui", afirmou ele.

Takeoff e Quavo faziam parte do trio Migos, ao lado do rapper Offset. Seu nome de batismo era Kirsnik Khari Ball, e ele era o membro mais jovem do trio.

O grupo seria uma das atrações do Rock in Rio, que aconteceu em setembro, mas eles cancelaram sua participação. De acordo com o site TMZ, ele estava jogando dados com Quavo quando uma briga começou e, em seguida, foram feitos disparos. Takeoff morreu com um tiro na cabeça.

A decolagem respondeu: “Com certeza. Estou tranquilo, relaxado, mas é hora de estourar. Eu quero entrar no meu fluxo. Hora de me dar minhas flores. Eu não os quero quando não estou aqui.”

“Uma coisa que eu realmente amo no projeto é como você está brilhando. É claro que você estava brilhando antes, mas eu senti que você estava dançando neste”, disse o co-apresentador NORE ao Takeoff