Tarcísio entregou 18 km de asfalto e inclui concessão da Dutra em realizações em SP

*Arquivo* SÃO PAULO, SP, 15.03.2022 - Tarcísio de Freitas (Republicanos), ex-ministro e candidato ao Governo de SP. (Foto: Zanone Fraissat/Folhapress)
*Arquivo* SÃO PAULO, SP, 15.03.2022 - Tarcísio de Freitas (Republicanos), ex-ministro e candidato ao Governo de SP. (Foto: Zanone Fraissat/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Candidato ao governo de São Paulo pelo Republicanos, o ex-ministro Tarcísio de Freitas inclui na lista de realizações de sua gestão no estado a renovação da concessão da Nova Dutra, assinada em outubro do ano passado.

A obra, segundo o governo federal, levará a investimento de R$ 7,4 bilhões em 282,7 km de rodovia. Deste montante, serão R$ 3,9 bilhões apenas para a ampliação de capacidade da estrada e mais de 200 mil empregos diretos e indiretos gerados durante a concessão, de 30 anos.

O ex-ministro se promove em sua campanha como "Tarcisão do Asfalto", mas no estado ele entregou apenas 17,8 km de asfalto novo. A única obra foi a duplicação de um trecho da BR 153 na região de São José do Rio Preto (a 437 km da capital), que custou R$ 268,5 milhões. ​

A razão para isso, diz a assessoria do candidato, é que a malha viária sob a administração do Dnit, vinculado ao Ministério de Infraestrutura, é de somente 53,2 km no estado. O restante foi concedido à iniciativa privada.

​"A adequação da travessia urbana [na BR-153] se arrastava desde 2014 e, com os esforços empreendidos durante a gestão de Tarcísio como ministro, foi finalmente concluída", diz a nota da assessoria.

A alcunha de "Tarcisão do Asfalto" se aplica mais a outros estados, como Amazonas, Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Sergipe.

Ao todo são quase 776 km de asfalto novo no Brasil na gestão do ex-ministro, o que inclui passarelas, viadutos e pontes, além de obras para melhorar a segurança, pavimentação e duplicação de pista.

Em seu balanço, Tarcísio afirma ainda que entregou quase 1.400 km de rodovias em obras de adequação e duplicação no país, o que inclui projetos assumidos por governos anteriores. ​

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos