Tarcísio nomeia ex-presidente da Petrobras Paes de Andrade para secretaria de Gestão e Governo Digital

O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), nomeou o ex-presidente da Petrobras Caio Mário Paes de Andrade como secretário de Gestão e Governo Digital de seu governo.

Leia mais: Sarney faz 'maratona' de posses e participa de diversas cerimônias em apenas cinco dias

Sonar: Eduardo Bolsonaro repercute denúncias contra ministra do Turismo: 'CPX para um lado, milícia para outro'

A designação de Paes de Andrade foi publicada no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira, mas já havia sido anunciada por Tarcísio em dezembro. Na quarta-feira, a Petrobras informou que seu Conselho de Administração aprovou o encerramento antecipado do mandato de Paes de Andrade como presidente da Petrobras.

Quem assumiu como presidente interino da companhia foi diretor executivo de Desenvolvimento da Produção, João Henrique Rittershaussen, que está há 35 anos na estatal.

Paes de Andrade é homem de confiança do ex-ministro da Economia, Paulo Guedes, e foi o quarto executivo a comandar a estatal no governo de Jair Bolsonaro. No Ministério da Economia, ele atuava como secretário de desburocratização, onde tocou pautas como a reforma administrativa, que empacou no Congresso.

Além de Paes de Andrade, Tarcísio nomeou para o segundo escalão Marcos Penido, que será secretário executivo de Governo e Relações Institucionais. Penido é ligado aos tucanos e atuou como secretário de Obras do então prefeito João Doria na cidade de São Paulo e depois ocupou a secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente quando o ex-tucano assumiu o governo paulista.

Outro nome confirmado foi de Filipe Sabará, que foi secretário de Desenvolvimento Social de Doria na prefeitura e disputou o Executivo Municipal em 2020, em candidatura marcada por polêmica em torno de seu currículo acadêmico. Sabará já fazia parte da equipe de transição de Tarcísio e será Secretário Executivo de Gilberto Nascimento Júnior (PSC), secretário de Desenvolvimento Social.

A expectativa de bolsonaristas e integrantes do PSDB e do União Brasil é que mais espaços sejam abertos no segundo escalão do governo Tarcísio. Os dois partidos, embora tenham apoiado a candidatura do governador, ficaram excluídos primeiro escalão.

Outra nomeação publicada no diário oficial foi do delegado Osvaldo Nico Gonçalves, que será o secretário executivo da Secretaria de Segurança Pública. E o cargo de superintendente do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) passa a ser exercido por Sérgio Henrique Codelo Nascimento.