Tarciana Medeiros toma posse como primeira mulher presidente do Banco do Brasil

Tarciana Medeiros tomou posse como presidente do Banco do Brasil em cerimônia nesta segunda-feira (dia 16) com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Funcionária de carreira, Tarciana era executiva na Diretoria de Clientes e pulou os cargos de diretora e vice-presidente para assumir o comando da instituição financeira. Ela é a primeira mulher a ocupar o cargo.

Em seu discurso, Tarciana Medeiros afirmou que o Banco do Brasil terá, entre seus principais focos, o apoio à agricultura familiar e à chamada economia verde.

Ela anunciou o compromisso de entregar um banco sob medida para cada cliente, reforçando a melhor experiência sobre produtos e serviços. Também disse que a diversidade estará sempre presente no BB.

— Dar crédito é acreditar nas pessoas, e nós acreditamos nos brasileiros — afirmou.

Neste terceiro governo do PT, os dois grandes bancos públicos do governo federal são comandados por mulheres – Rita Serrano assumiu a presidência da Caixa, com posse na semana passada.

A ascensão de Tarciana também é representativa para um governo que busca diversidade: é nordestina, negra e defensora das causas LBGT. Aos 44 anos, ela será a primeira mulher a presidir o banco em dois séculos de História da instituição.

Em seu discurso de posse, Tarciana exaltou a importância da família, fazendo referência às mulheres de sua vida, como a mãe, a tia e a esposa.

― Minha nomeação dignifica o reconhecimento à competência técnica e ao comprometimento desse time. Me sinto honrada em liderá-lo, como funcionária de carreira que sou ― afirmou.

Ela é formada em administração de empresas, com pós-graduação em marketing, liderança e gestão. Antes de ingressar no BB, foi feirante e professora e está no banco há 22 anos.