Tatto diz que apoiará Boulos no segundo turno mas ainda confia em virada sobre o adversário

FLÁVIO FERREIRA
·1 minuto de leitura
SÃO PAULO, SP, BRASIL, 15.11.2020 - CANDIDATO JILMAR TATTO (PT) - O candidato Jilmar Tatto vota na escola Escola Estadual Professor Giulio David Leone, na zona sul da capital durante a manhã deste domingo, 15. (Foto: Jardiel Carvalho/Folhapress)
SÃO PAULO, SP, BRASIL, 15.11.2020 - CANDIDATO JILMAR TATTO (PT) - O candidato Jilmar Tatto vota na escola Escola Estadual Professor Giulio David Leone, na zona sul da capital durante a manhã deste domingo, 15. (Foto: Jardiel Carvalho/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O candidato do PT à prefeitura da capital Jilmar Tatto votou no final da manhã deste domingo (15), em uma escola no bairro Cidade Dutra, na zona sul da capital.

Depois de votar, o petista afirmou que ele e o candidato do PSOL, Guilherme Boulos, estão no mesmo campo ideológico e "se eu for ao segundo, o Boulos vai me apoiar, e a recíproca é verdadeira".

O levantamento do Datafolha realizado na sexta (13) e no sábado (14) indicou intenção de voto de 17% dos eleitores em Boulos, que é o segundo colocado, e de 6% em Tatto, índice que não permite ao petista chegar ao segundo turno na corrida eleitoral paulistana.

Tatto afirmou que o maior perdedor da eleição em São Paulo é o presidente Jair Bolsonaro, que dá apoio ao candidato Celso Russomanno (Republicanos).

"O grande derrotado nessa campanha é o Bolsonaro e seu candidato", afirmou.