Taty Sindel é intimada por barraco no Miss Bumbum, e concurso pede R$ 10 mil por danos morais

·2 minuto de leitura

Três meses após fazer um grande barraco na final do Miss Bumbum e acusar o concurso de fraudar o resultado, a então candidata Taty Sindel foi intimada a prestar depoimento no foro Central da capital de São Paulo. A organização da disputa abriu um processo contra a modelo por reparação de danos e exige na Justiça que ela pague uma indenização de R$ 10 mil por danos morais, além de obrigá-la a arcar com as despesas processuais e honorários advocatícios.

A final do concurso aconteceu no dia 5 de julho, em São Paulo, com transmissão ao vivo pelo Youtube e apresentado por Andressa Urach. Na ocasião, após ser anunciada a vencedora do Miss Bumbum 2021, Taty se revoltou e arrancou a faixa da vice-campeã em pleno palco, jogou no chão e gritou que o resultado "era roubado!" (reveja o momento abaixo). Indignada, a ela foi retirada do palco por uma segurança.

Para a organização do Miss Bumbum, a atitude de Taty causou "danos à imagem do concurso bem como descumpriu o contrato".

A primeira audiência estava marcada para acontecer no último dia 6, via internet, mas Taty não compareceu, pois estava sem advogado. A assessoria da modelo afirma que ela recebeu a intimação dois antes da audiência e que ela está agora juntando provas para se defender das acusações e mostrar ao juiz que o resultado do concurso foi manipulado.

'Arranquei para desmascarar o concurso'

Ao EXTRA, Taty Sindel disse que ficou indignada com a pontuação final do concurso e que não se arrepende do barraco que causou.

"Arranquei para desmascarar o concurso. Todo mundo falou que essas faixas são compradas', disse a carioca, que tem 28 anos e 115 cm de bumbum.

Ela explica que assim como as outras concorrentes, pagou pela inscrição, o que lhe deu direito a ser a única representante da Paraíba.

"Como fui uma das mais votadas no site, pensei que seria a favorita entre os jurados, o que não aconteceu, pois fui impedida de desfilar com o meu vestido de gala, igual ao da apresentadora Xuxa. Então, quando ouvi no microfone que não ficaria entre as três primeiras colocadas, me achei injustiçada e tirei da segunda aquilo que julgava ser meu".

Segundo Taty, havia um burburinho nos bastidores do concurdo de que o título era comprado. Por isso que quando o resultado saiu, ela perdeu o controle.

"Foi mais forte que eu. Mas não me arrependo e tenho vergonha de ter participado de um concurso desse, sem credibilidade nenhuma. Não faço questão da faixa mais, sim, fiz meu protesto pelo sacanagem que fizeram contra minha pessoa. Foram mais de R$ 20 mil gastos com o look", desabafou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos