Taxa de juros do FIES é de apenas 3,4% ao ano; saiba mais

VestibularTaxa

O FIES é o financiamento estudantil do Governo Federal que ajuda a pagar a faculdade particular. Criado em 1999, o programa já beneficiou cerca de 2 milhões de estudantes brasileiros, que só precisam começar a quitar a dívida do financiamento um ano e meio depois da formatura.

Além de oferecer um prazo de carência de 18 meses após a conclusão do curso para começar a pagar a dívida, o FIES oferece também a possibilidade de parcelar o saldo devedor em até três vezes a duração do curso financiado, mais um ano. Sendo assim, o estudante que financiar 4 anos de curso tem 13 anos para pagar o FIES, que começam a contar um ano e meio depois da formatura.

Com isso, o estudante não precisa se preocupar enquanto estiver na faculdade e tem um tempo para se organizar financeiramente antes de começar a quitar as parcelas do FIES. Vale lembrar que, mesmo com todas essas facilidades, o estudante que assina o contrato do FIES precisará pagar um valor maior do que recebeu, por causa da taxa de juros.

Descubra qual a taxa de juros do FIES, como funciona o programa e quanto você terá de devolver caso use o FIES para pagar a faculdade!

Taxa de juros do FIES

O FIES cobra juros de 3,4% ao ano, uma das taxas mais baixas do mercado. Outros produtos financeiros, como cartões de crédito por exemplo, cobram juros de quase 300% ao ano.

Apesar de ser uma taxa considerada baixa, o estudante que pede o FIES precisa estar ciente de que vai pagar de volta para o governo um valor maior do que pediu emprestado para financiar a faculdade.


Como funciona o FIES

O FIES funciona em três fases e em cada uma delas o estudante precisa pagar alguma coisa:

Fase 1: Utilização
• O que é: fase em que o estudante usa o FIES para pagar a mensalidade da faculdade (ou uma parte dela). 
• Duração: enquanto o estudante estiver matriculado no curso e até a formatura.
• Quanto o aluno paga: quem financia 100% da mensalidade só precisa pagar parcelas trimestrais de no máximo R$ 50,00 referentes aos juros. Quem financia 50% ou 75% da mensalidade precisa pagar a parte não financiada para a faculdade e as parcelas trimestrais de no máximo R$ 50,00 para o FIES.

Fase 2: Carência
• O que é: período em que o estudante pode ser organizar financeiramente depois de formado.
• Duração: 18 meses (um ano e meio), que começam a contar a partir da formatura.
• Quanto o aluno paga: apenas as parcelas trimestrais de no máximo R$ 50,00 a cada três meses.

Fase 3: Amortização
• O que é: fase na qual o estudante começa a quitar a dívida do FIES. 
• Duração: três vezes a duração do curso financiado, mais um ano.
• Quanto o aluno paga: as parcelas da dívida do FIES, que variam de acordo com a mensalidade do curso, o percentual financiado (50%, 75% ou 100%) e a quantidade de semestres.


Como calcular os juros do FIES

O FIES tem juros de 3,4% ao ano e a conta seria relativamente simples de fazer. No entanto, por causa das características do funcionamento do FIES, se você fizer a conta sozinho poderá chegar a um resultado muito diferente da realidade.

Veja, por exemplo, o caso das parcelas trimestrais. Esses boletos são referentes aos juros do financiamento, mas possuem um teto de pagamento: o estudante só paga uma parcela a cada três meses e o valor não pode ultrapassar os R$ 50,00. Por isso, mesmo que os juros do FIES ultrapassem esse valor, durante as fases de utilização e carência o estudante paga apenas uma parte. O restante do valor referente aos juros entra na fase de amortização, ou seja, no período que começa a contar um ano e meio depois que o estudante se formou.

O melhor jeito de saber quanto você vai precisar pagar de volta para o FIES é fazer umasimulação do financiamento. Só assim é possível saber, mês a mês, quanto você precisará pagar em cada uma das fases do financiamento: utilização, carência e amortização, bem como o total do saldo devedor.

simulação do FIES é gratuita, pode ser feita pela Internet e qualquer pessoa pode calcular como seria seu financiamento. Não é necessário estar cadastrado no FIES, nem informar dados pessoais. Basta seguir o passo a passo: 
1. Acessar o portal do FIES.
2. No menu lateral esquerdo, clicar em “Simule seu financiamento”.
3. Preencher os dados solicitados:

Quantidade de semestres do curso Quantidade de semestres já concluídos Tipo de estudante Financiamento solicitado Valor da semestralidade (os encargos educacionais referentes a um semestre inteiro)

4. Escolher o melhor dia para o vencimento das parcelas (opcional).
5. Rolar a página para baixo e clicar no botão “Simular” e conferir o valor das parcelas em cada uma das fases do FIES.

É importante lembrar que a simulação vale apenas como consulta e não garante que você vá conseguir o FIES, nem que o valor apresentado na simulação será exatamente aquele quando você assinar o contrato. No entanto, o cálculo é bastante próximo do valor real e dá para ter uma boa ideia de como serão as parcelas da dívida do FIES.


Você está pensando em pedir o FIES para pagar a faculdade? Deixe um comentário!