Taylor Swift rebate cantor britânico que a acusou de não escrever as próprias músicas

·1 min de leitura

RIO — Taylor Swift rebateu o cantor britânico Damon Albarn após ele dizer, numa entrevista, que ela não escrevia as próprias músicas. A declaração foi dada ao "Los Angeles Times" e não passou despercebida pela artista americana, vencedora de 11 Grammy Awards.

"Damon Albarn, eu era uma grande fã sua até ver isso. Eu escrevo TODAS as minhas próprias músicas. Sua declaração sensacionalista é completamente falsa e MUITO prejudicial. Você não precisa gostar das minhas músicas, mas é muito f* tentar desacreditar minha escrita. UAU", afirmou a cantora, que levou o prêmio de Compositora Ícone da Associação Nacional de Autores de Músicas dos EUA (NMPA, na sigla em inglês), em junho de 2021, por seu trabalho como letrista.

À época do anúncio da premiação, o CEO da NMPA, David Israelite, declarou que, em 2021, "Taylor Swift teve um ano de sucesso sem precedentes".

— Ela deu ao mundo composições incríveis quando eles mais precisavam e continua a reescrever o livro de regras quando se trata de sua carreira. Ela sempre se identificou como compositora em primeiro lugar e, ao fazê-lo, inspirou e elevou inúmeros outros criadores. Sua defesa levantou toda a comunidade criativa, e ela fez isso com grande custo e risco para sua própria carreira. Os riscos valeram a pena, não apenas para ela, mas para toda a nossa indústria, e não há ninguém mais merecedor do nosso prêmio de ícone.

Ainda pela NMPA, Taylor soma 76 prêmios Gold & Platinum e, no Grammy, é uma dos quatro únicos artistas da história que ganharam três vezes o prêmio de Álbum do Ano, sendo a única mulher entre eles.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos