Tebet critica 2º turno entre Lula e Bolsonaro e nega apoios: "Nenhum dos dois"

Simone Tebet, segundo a última pesquisa Datafolha, aparece com 5% das intenções de voto, atrás de Ciro Gomes, que tem 8%. REUTERS/Carla Carniel
Simone Tebet, segundo a última pesquisa Datafolha, aparece com 5% das intenções de voto, atrás de Ciro Gomes, que tem 8%. REUTERS/Carla Carniel

Faltando 13 dias para as eleições, a candidata Simone Tebet (MDB) criticou a possibilidade de um segundo turno para a disputa a presidência da República entre Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL). “Este segundo turno entre o ex-presidente Lula e Bolsonaro é o pior dos dois mundos para o Brasil. O Brasil não vai ter paz, não vai conseguir resolver os seus problemas. Só vamos estender a polarização para 31 de dezembro de 2026”, afirmou.

A candidata do MDB negou que vá apoiar qualquer um dos dois presidenciáveis caso o cargo do Executivo seja decidido após o primeiro turno. “Me recuso a desistir diante deste cenário em que, para mim, nenhum dos dois serve”. Segundo a última pesquisa Datafolha, Tebet aparece com 5% das intenções de voto, atrás de Ciro Gomes, que tem 8%.

Veja as últimas pesquisas eleitorais para presidente:

Tebet ressaltou, em sabatina promovida pelo Estadão e pela Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP), que o apoio no segundo turno deve ser discutido "dentro do processo de um partido de uma ampla frente que inclui o PMDB, PSDB, Cidadania e Podemos".

Questionada sobre o voto útil, a senadora acredita que o momento é focar no resultado do dia 2 de outubro: “Tem que ser a eleição de votar no primeiro turno naquele ou naquela que achamos melhor para presidir o Brasil, e deixar o segundo turno para ser discutido no momento oportuno”, disse.

A pesquisa eleitoral 2022 feita pelo Instituto Datafolha, divulgada na noite da última quinta-feira (15), apontou que o ex-presidente Lula segue na liderança da corrida eleitoral à presidência da República com 45% das intenções de voto no 1º turno.

Qual a data das Eleições 2022?

O primeiro turno das eleições será realizado no dia 2 de outubro, um domingo. Já o segundo turno – caso necessário – será disputado no dia 30 de outubro, também um domingo.

Veja a ordem de escolha na urna eletrônica nas Eleições 2022

  1. Deputado federal (quatro dígitos)

  2. Deputado estadual (cinco dígitos)

  3. Senador (três dígitos)

  4. Governador (dois dígitos)

  5. Presidente da República (dois dígitos)