Tebet e Soraya reagem a fala machista Bolsonaro na Esplanada dos Ministérios

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - As candidatas à Presidência Simone Tebet (MDB) e Soraya Thronicke (União Brasil) reagiram ao discurso machista do presidente Jair Bolsonaro (PL) na Esplanada dos Ministérios, em Brasília.

"Além de pária internacional devido à falta de segurança e de estabilidade política, agora o país também vira motivo de chacota pelas falas machistas do seu líder, que deveria dar exemplo. O Brasil não merece o governo que tem!", publicou Tebet no Twitter.

Já Soraya, também no Twitter, disse que "o presidente insiste em propagar que é imbrochável, informação que, sinceramente, não interessa ao povo brasileiro". "O que o Brasil precisa, mesmo, é de um presidente incorruptível."

No final da manhã desta quarta, Bolsonaro repetiu a palavra diante de uma multidão de apoiadores, que a repetiam em coro. Ele também sugeriu comparações entre primeiras-damas, uma referência indireta à esposa de Lula (PT), antes de beijar sua mulher, Michelle.