Televisão russa divulga vídeo de massacre em escola na Crimeia

Socorrista atende a jovem ferida na explosão

A televisão russa exibiu neste domingo um vídeo que mostra o autor do massacre em uma escola em Kerch, na Crimeia, no momento em que matava suas vítimas com um rifle e ativava uma bomba.

Um jornalista da televisão pública russa justificou a exibição das imagens, que segundo ele foram feitas pelas câmeras de segurança da escola, pelas dúvidas que circulam sobre a versão oficial do massacre, que deixou 20 mortos e 40 feridos.

O vídeo confirma que o assassino, um estudante de 18 anos, identificado como Vladislav Rosliakov, e que usava uma camiseta com a inscrição "Ódio", imitou o traje de Eric Harris, um dos autores do massacre de Columbine, que deixou 13 mortos nos Estados Unidos em 1999.

Nas imagens, Rosliakov é visto entrando por uma porta escondida, evitando o detector de metais da entrada principal, e ativando uma bomba que destrói as paredes, portas e janelas da escola. Os alunos tentam escapar do prédio enquanto ele caminha silenciosamente pelos corredores, matando aleatoriamente as vítimas ou atirando sem motivo aparente em computadores e um extintor.

O jovem, que cometeu suicídio na biblioteca da escola, preparou metodicamente o crime, segundo os investigadores. Ele estava armado com uma espingarda e duas bombas, uma que explodiu, além de um grande volume de munições.