Tempestade Ida passa por Nova York e Nova Jersey e deixa 8 mortos

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
A worker unblocks drains on a street affected by floodwater in Brooklyn, New York early on September 2, 2021, as flash flooding and record-breaking rainfall brought by the remnants of Storm Ida swept through the area.  / AFP / Ed JONES
Área alagada no Brookly, em Nova York. Foto: AFP / Ed JONES
  • Ida começou como um furacão no domingo

  • Tormenta deixou rastro de destruição

  • No total, são 15 vítimas até agora em todo os Estados Unidos

A tempestade tropical Ida deixou ao menos oito mortos em Nova York e Nova Jersey, além de deixar áreas destruídas em ambos os estados e acender um alerta de tornado.

Na cidade de Nova York morreram sete pessoas, incluindo uma criança de dois anos, um homem de 50 anos e uma mulher de 48 anos que foram encontrados inconscientes dentro de uma casa na noite de quarta-feira (2), segundo a polícia local. Já Nova Jersey teve duas mortes confirmadas.

A tempestade causou inundações e impediu o funcionamento de quase todas as linhas do metrô de Nova York, além de interditar estradas. Há alerta de tornados na região do Brooklyn.

Kathy Hochul governadora de Nova York, e Phil Murphy, governador de Nova Jersey, declararam estado de emergência. O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, também declarou emergência na cidade e pediu que os moradores não saiam de suas casas.

Leia também:

Os tornados também atingiram a Pensilvânia. Em Mullica Hill, em Nova Jersey, ao menos nove casas foram destruídas e o aeroporto Newark Liberty suspendeu alguns voos.

O Ida atingiu os Estados Unidos na tarde de domingo (30) como um furacão de categoria 4, exatos 16 anos após o Katrina devastar a Louisiana e o Mississippi e deixar 1,8 mil mortos e bilhões de dólares em prejuízos.

Com ventos de 230 km/h, o Ida foi o 5º furacão mais forte da história a atingir o continente, de acordo com informações da agência de notícias Associated Press.

O Ida foi rebaixado para tempestade tropical na segunda-feira (30), mas segue causando caos no país.

Antes de deixar vítimas em Nova York e Nova Jersey, o Ida deixou seis mortos nos estados de Louisiana, Mississipi e Alabama.

No Alabama, dois eletricistas morreram quando consertavam danos causados à rede elétrica na terça-feira (31).

Já em Lousiana, as duas vítimas são um homem de 60 anos que teve a casa atingida por uma árvore perto da capital Baton Rouge, e um motorista que morreu afogado em Nova Orleans.

No Mississippi, duas pessoas morreram e dez ficaram feridas em uma rodovia destruída pelo furacão. Três dos feridos estão em condições críticas, conforme informou a polícia rodoviária do estado.

Autoridades afirmam que o número de mortos poderia ter sido muito maior não fosse o sistema de diques que foi construído ao redor de Nova Orleans após a devastação do furacão Katrina, em 2005.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos