Termina hoje o prazo para tirar ou regularizar o título de eleitor: veja o passo a passo para as solicitações e tire todas as dúvidas

Termina nesta quarta-feira, 4 de maio, o prazo para quem deseja tirar, regularizar ou transferir o título de eleitor para votar nas próximas eleições. Em outubro, os brasileiros vão escolher presidente, governadores, senadores e deputados federais e estaduais. E somente com o documento em dia na Justiça Eleitoral será possível ir às urnas neste ano. Adolescentes que farão 16 anos até o dia 2 de outubro, data do primeiro turno, e que desejam votar podem solicitar o documento.

Abaixo, veja o passo a passo para tirar o título pela internet, regularizar o documento e outras dúvidas.

— Como tirar seu título de eleitor pela internet ou fazer o e-título

Para fazer a solicitação pela internet, é preciso acessar o sistema Título Net, no site do TSE (em https://cad-app-titulonet.tse.jus.br/titulonet/novoRequerimento).

Na primeira página, você precisa informar o estado em que reside.

Na janela seguinte, após selecionar “Título de eleitor”, marque a opção “Não tenho”.

Em seguida, alguns dados serão solicitados, como nome completo, e-mail, número da carteira de identidade e local de nascimento.

Será preciso enviar os seguintes documentos: Documento oficial de identificação; Comprovante de residência atualizado; Uma foto tipo selfie segurando o documento de identificação; E, para os homens com idade entre 18 e 45 anos, é preciso enviar o comprovante de quitação com o serviço militar.

Após o envio, os documentos serão analisados pela Justiça Eleitoral. As fotos devem estar legíveis para a solicitação ser feita. Um cartório eleitoral receberá as informações, e o acompanhamento do requerimento deve ser feito pelo site.

Ficou dúvida?

Para tirar mais dúvidas sobre como tirar o título de eleitor, acesse o site do Tribunal Superior Eleitoral (em https://www.tse.jus.br/).

Na aba superior, clique em “Eleitor e eleições”.

Depois, vá em “Autoatendimento do eleitor”. Vai abrir uma lista de opções, e aí você deve ir em “Tire seu título”. Na sequência, abrirá uma página com opções de vídeos e alguns tipos de passo a passo para você seguir.

Para o e-título

Nas eleições deste ano, o documento físico do título de eleitor poderá ser substituído pela versão on-line dele. A ferramenta está disponível através do aplicativo e-Título, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Para ter acesso, a pessoa precisa já ter um registro válido na Justiça Eleitoral e estar com o título regularizado (o prazo para a solicitação ou a regularização do documento termina hoje).

_________________________________________________

— Como regularizar seu título de eleitor

Primeiro, é preciso acessar o site do Tribunal Superior Eleitoral (em https://www.tse.jus.br/).

Na aba superior, clique em “Eleitor e eleições”.

Depois, vá em “Autoatendimento do eleitor”.

Vai abrir uma lista de opções, e aí você deve ir em “Atendimento ao eleitor”.

Para saber se há alguma irregularidade, clique em “Consulte a situação do título eleitoral”.

Vai abrir um espaço em branco em que você deve digitar o número do seu título eleitoral, seu CPF ou seu nome completo com data de nascimento.

Se aparecer a mensagem “O seu título eleitoral está REGULAR na Justiça Eleitoral”, tudo certo, é só ir às urnas e votar em outubro.

Caso haja alguma pendência, acesse “Regularizar título eleitoral cancelado ou suspenso” e, na próxima tela, será possível quitar débitos.

Caso o problema seja uma multa, o eleitor precisará desembolsar R$ 3,50 por cada turno em que não tenha justificado sua falta.

Após a transação, é necessário esperar que a Justiça Eleitoral identifique o pagamento e dê baixa no débito.

Depois da quitação das pendências, o eleitor deverá dar início à regularização do nome e enviar dados pessoais e alguns documentos digitalizados, como: Comprovante de residência; Identidade com foto; Quitação do serviço militar para homens de 18 a 45 anos; Comprovante do pagamento da multa eleitoral.

_________________________________________________

— Saiba como transferir o seu título de eleitor

Acesse o site do Tribunal Superior Eleitoral (em https://www.tse.jus.br/).

Na aba superior, clique em “Eleitor e eleições”.

Depois, vá em “Autoatendimento do eleitor”.

Vai abrir uma lista de opções, e aí você deve ir em “Atendimento ao eleitor”.

Para transferir, clique em “Troque seu local de votação” e preencha o que for requisitado.

Em caso de transferência do domicílio eleitoral, é preciso residir há pelo menos três meses no novo município e já ter um ano de cadastro como eleitor no TSE ou da última transferência do título. No caso de moradia fixa no exterior, a solicitação precisa ser feita no consulado ou na embaixada do Brasil.

_________________________________________________

— Inclusão do nome social

Pessoas transgênero ou não binárias podem atualizar o cadastro para incluir o nome de reconhecimento no título de eleitor e no cadastro eleitoral.

Acesse o site do Tribunal Superior Eleitoral (em https://www.tse.jus.br/).

Na aba superior, clique em “Eleitor e eleições”.

Depois, vá em “Autoatendimento do eleitor”.

Vai abrir uma lista de opções, e aí você deve ir em “Inclua seu nome social”. A partir daí, basta seguir as orientações.

_________________________________________________

— Outras opções

Também pela internet, é possível imprimir o título eleitoral e atualizar dados pessoais e endereço.

Acesse o site do Tribunal Superior Eleitoral (em https://www.tse.jus.br/).

Na aba superior, clique em “Eleitor e eleições”.

Depois, vá em “Autoatendimento do eleitor”.

Na página seguinte, clique em “Atendimento ao eleitor”.

Vai abrir uma lista de opções, como “Atualize seu endereço”, “Consulte o número do seu título eleitoral” e outras.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos