Terremoto de 7 graus de magnitude provoca pânico e mortes no norte das Filipinas

AP - Harley Palangchao

Um terremoto de 7 graus de magnitude atingiu nesta quarta-feira (27) o norte das Filipinas, deixando pelo menos quatro mortos e mais de cem feridos. O tremor causou pânico na população, abalou prédios e chegou a ser sentido na capital, Manila, a 300 quilômetros de distância. Vários prédios foram evacuados.

De acordo com o Instituto de Sismologia Americano (USGS), o terremoto foi registrado às 8h43 no horário local, a uma profundidade de 10 quiiômetros, na província de Abra, a principal ilha de Luzon. Um pedreiro de 25 anos morreu após a queda do imóvel em La Trinidad, na província de Benguet, segundo a polícia. Outros sete trabalhadores que estavam no mesmo canteiro de obras escaparam sem ferimentos.

Em Bangued, capital da província de Abra, uma mulher de 23 anos morreu esmagada após a queda de um muro. Pelo menos 62 pessoas ficaram feridas na região. A terceira vítima caiu de um prédio em construção na província de Kalinga. O acidente deixou oito feridos.

Na cidade de Dolores, perto do epicentro do terremoto, os habitantes, aterrorizados, deixaram suas casas correndo. Os vidros do mercado local estilhaçaram com o tremor, de acordo com Edwin Sergio, comandante da polícia local. "O terremoto foi muito forte", disse. "As prateleiras de frutas e legumes despencaram", declarou, acrescentando que havia fissuras nas paredes dos supermercados.

Monumentos danificados

Um vídeo publicado no Facebook também mostrou fissuras em uma estrada e nas ruas da cidade de Bangued, mas sem estragos visíveis nas casas ou estabelecimentos comerciais. Em Vigan City, na província vizinha de Ilocos Sur, monumentos datando do período colonial espanhol (1565-1898) sofreram estragos. Imagens mostram os danos causados no relógio de Bantay, um ponto turístico conhecido no país.

O estudante Mira Zapata contou que estava em sua casa em San Juan quando sentiu o tremor. "Começamos a gritar e fomos para fora", disse. "Nossa casa está em bom estado, mas outras na parte de baixo da colina foram destruídas", disse. Deslizamentos foram notificados em diversos locais da região, de acordo com o porta-voz da Agência Nacional de Gestão de Catástrofes, Mark Timbal. Segundo ele, as hidrelétricas estão intactas e as ruas estão sendo limpas.

As Filipinas são atingidas com frequência por terremotos devido à sua localização no "Anel de Fogo" do Pacífico, um arco de intensa atividade sísmica que se estende do Japão ao Sudeste Asiático e à Orla do Pacífico. O tremor de quarta-feira é o mais poderoso do país em anos. Em outubro de 2013, um terremoto de 7,1 de magnitude na ilha de Bohol, no centro do país, deixou mais de 200 mortos e 400 mil deslocados.

Em 1990, um tremor de 7,8 de magnitude no norte das Filipinas deixou mais de 1.200 mortos, causando estragos importantes em Manila e provocando uma fissura no terreno de mais de cem quilômetros.

(Com informações da AFP)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos