Terry Crews fez tratamento para combater vício em pornografia: "Não foi fácil"

Terry Crews na 17ª temporada do
Terry Crews na 17ª temporada do "America's Got Talent" em Sheraton Pasadena Hotel em 23 de agosto de 2022 em Pasadena, Califórnia. (Foto: Kevin Winter/Getty Images)

O ator Terry Crews, conhecido por ter estrelado o filme "As Branquelas" (2004) e a série "Todo Mundo Odeia o Chris" (2005-2009), revelou que passou por um tratamento para conseguir superar seu vício em pornografia.

O astro conta que os momentos em que não estava trabalhando eram sempre os mais difíceis. "No começo não foi fácil, por que eu ficava pensando: 'O que mais posso fazer?' Tive que, literalmente, escrever as coisas que eu poderia praticar ao invés de assistir pornografia", relatou em vídeo do canal "Fight the New Drug". O canal de YouTube aborda os perigos do consumo excessivo de pornografia.

Ele relata que nesses "momentos de tédio", precisou encontrar novos hobbies. "Era simples assim: 'OK, vou ler um livro agora'. No primeiro parágrafo, eu fico [sofrendo]. No segundo parágrafo, já está interessante. No terceiro, eu já ficou 'uau!' Na décima página, eu esqueci tudo o que eu normalmente faria", explicou Terry.

Aos 53 anos, a estrela de "Brooklyn Nine-Nine" relata que manteve o vício em segredo até mesmo dentro de seu casamento com Rebecca King-Crews. Entretanto, a questão também criou atritos no seu relacionamento com a atriz.

"Sexo é bom, é remédio, é maravilhoso. Sexo saudável é tão redentoramente poderoso, maravilhoso, revigorante! Mas a pornografia é como enlouquecer dentro de uma farmácia. Você está como uma criança solta, pegando todo o tipo de coisa ali e pode ser seriamente danificado", completou Crews.