Teste de Covid-19: site da secretaria estadual volta a funcionar após ficar fora do ar durante quase toda a tarde

·3 min de leitura

Após ficar fora do ar, no início da tarde desta segunda-feira, o sistema de agendamento para realizar teste de Covid-19 nos nove postos em funcionamento pela Secretaria estadual de Saúde, voltou a funcionar pouco depois das 19h. Uma falha no sistema levou a pasta a tirar a plataforma do ar. Foram agendadas mais pessoas do que a capacidade de atendimento prevista, segundo a secretaria informou. Na UPA da Tijuca, na Zona Norte do Rio, uma longa fila se formou durante a manhã, com aglomeração e tempo de espera prolongado. No site, o paciente que apresenta sintomas da doença — como coriza, dor de garganta, febre, tosse e calafrio — pode marcar o dia para ser atendido.

Nas redes sociais, as pessoas relataram como estava a tenda de atendimento na unidade. Na tentativa de organizar os atendimentos, as pessoas foram divididas em duas filas: uma para os que tinham o protocolo de agendamento através do site e outra para quem não tinha senha. Em um vídeo, pode-se ver que as pessoas estão muito próximas umas das outras.

Um internauta falou da situação em resposta a uma publicação do governador do Rio, Claudio Castro, que pela manhã esteve na inauguração de um dos três postos de testagem abertos nesta segunda-feira, no Estádio Célio de Barros.

"Bom dia. A UPA da Tijuca precisa de organização hoje. O vírus está adorando o tumulto, sem distanciamento na entrada para fazer exame", escreveu.

Outro internauta sugeriu que as pessoas procurassem atendimento em outras unidades no bairro:

"A UPA da Tijuca está lotada. Se a pessoa for fazer teste, faça em outro lugar. Façam nos laboratórios perto da Saens Peña."

Em nota, a SES afirma "que houve um problema no sistema de agendamento dos testes, sendo marcadas mais pessoas do que o previsto para os próximos três dias. Assim que a falha foi identificada, o site foi temporariamente retirado do ar". A pasta ainda destacou que para atender a quem conseguiu fazer o cadastro, foram mobilizadas mais equipes para agilizar a testagem. "Todas as pessoas que agendaram dia e horário pelo site serão atendidas. Porém, as que desejarem poderão realizar a remarcação", diz em trecho do comunicado.

A SES indica que pessoas com sintomas moderados a graves, como febre acima de 37,7 graus e dificuldade respiratória, devem procurar atendimento diretamente em unidades de emergência.

Nas unidades municipais e estaduais de saúde são oferecidos exame rápido de antígeno e RT-PCR, realizados de acordo com a avaliação da equipe médica.

Estado do Rio inaugurou mais três postos de testagem nesta segunda-feira, chegando a nove pontos, dos quais oito na capital e um em Nova Iguaçu Sendo eles:

Zona Oeste do Rio

UPA de Bangu (Rua Figueiredo Camargo, sem número)UPA de Campo Grande II (Avenida Cesário de Melo, sem número - São Jorge,)UPA de Jacarepaguá (Rua André Rocha, 20, Taquara)

Zona Norte do Rio

UPA de Tijuca (Rua Conde de Bonfim, sem número)UPA de Penha (Avenida Lobo Júnior com Avenida Brás de Pina, Parque Ary Barroso, sem número)UPA de Marechal Hermes (Rua Xavier Curado, sem número)Posto do Iaserj, no Maracanã (Rua Jaceguai, sem número)Estádio Célio de Barros, no Maracanã (Rua Professor Euríco Rabêlo, sem número)

Baixada Fluminense

Hospital Estadual Dr. Ricardo Cruz, em Nova Iguaçu (Avenida Governador Roberto Silveira 1.585, Centro)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos