Teste de Covid positivo em farmácia salta de 7% para 20% no fim do ano

·1 min de leitura
Bristol / UK - May 04, 2021 : Adult hand with protective glove with the Test Result by Using self Rapid Test Device for COVID-19 Coronavirus.
Foto: Getty Images

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O número de casos positivos nos testes rápidos de Covid nas farmácias, que havia despencado nos últimos meses, voltou a subir durante as festas de fim de ano, de acordo com o monitoramento da Abrafarma (associação que reúne grandes redes farmacêuticas).  

O índice de casos positivos chegou a ficar abaixo de 7% por dia durante o mês de dezembro. Mas ultrapassou os 20% no último dia 29, quando foram realizados cerca de 30 mil exames. 

A demanda pelos testes voltou a subir no fim de novembro, após o surgimento da variante ômicron e o surto de gripe. O aumento registrado às vésperas das festas de Natal e Ano Novo também aconteceu no fim de 2020. O aquecimento é atribuído ao movimento dos consumidores preocupados em saber se não estavam contaminados antes de participar dos eventos. 

De acordo com as farmácias, não chegou a faltar teste, mas as agendas ficaram bastante cheias nas unidades da rede Raia Drogasil. Para conseguir um horário disponível, a empresa recomendou que o clientes consultassem seus sites e aplicativos. Nas drogarias São Paulo e Pacheco também foi preciso agendar horário para fazer o teste. 

Desde que o serviço começou a ser oferecido, em abril do ano passado, as farmácias realizaram mais de 12 milhões de exames rápidos, incluindo testes para antígenos e anticorpos e do tipo PCR. 

O levantamento da Abrafarma abrange 3.000 farmácias do país. 

Na última semana, as internações por Covid-19 no estado de São Paulo voltaram a subir, passando das mil hospitalizações. 

O Brasil registrou, até este sábado (1º), 619.139 mortes desde o início da pandemia e quase 78% da população imunizada com ao menos uma dose de vacina contra o novo coronavírus.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos