Tevez volta à Bombonera como técnico e é homenageado

Rosario Central's coach Carlos Tevez (L) receives a framed jersey from his former Boca Junior's teammate and current board member, Colombian Mauricio Serna, during the Argentine Professional Football League Tournament 2022 match between Boca Juniors and Rosario Central at La Bombonera stadium in Buenos Aires, on August 17, 2022. (Photo by ALEJANDRO PAGNI / AFP) (Photo by ALEJANDRO PAGNI/AFP via Getty Images) (ALEJANDRO PAGNI via Getty Images)

Pela primeira vez na história atuando como visitante em La Bombonera, o agora técnico Carlitos Tevez foi homenageado pela direção do Boca Juniors na última quarta-feira, quando o Rosario Central, clube que o tem como treinador, foi até o bairro de La Boca para encarar os donos da casa em partida válida pelo Campeonato Argentino. O placar de 0 a 0 foi menos interessante que a cerimônia realizada antes do apito inicial do árbitro.

Com seu nome ovacionado pela torcida do Boca Juniors, Tevez abraçou seus antigos companheiros no gramado e foi presenteado com uma camisa personalizada com seu nome e o número 10, o qual utilizou durante suas três passagens pelo clube argentino, além de uma placa comemorativa de Mauricio Serna, ex-jogador do Boca e atual membro do Conselho de Futebol do clube.

Leia também:

Dentro de campo, um pênalti desperdiçado para cada lado. Aos 15 minutos do primeiro tempo, o goleiro Servio, do Rosario Central, atravessou o campo para efetuar a cobrança, mas Agustín Rossi, defensor do gol do Boca espalmou a bola chutada. Já aos 54 minutos também do primeiro tempo, sim, esse exato minuto, o goleiro que havia perdido a cobrança logo no início da etapa evitou que Pol Fernández balançasse as redes em sua oportunidade direto da marca da cal.

Aposentado em julho deste ano, Tévez ficou sem jogar desde junho de 2021, quando deixou o Boca Juniors pela terceira vez. Revelado em 2003 pelos Xeneizes, Tévez marcou 64 gols em 200 partidas oficiais durante suas três passagens pelo clube.