Thaila Ayala volta a ter pensamentos depressivos na segunda gestação

Atriz já sofreu com a doença durante a primeira gravidez

Thaila Ayala está grávida de Tereza, sua segunda filha (foto: Roberto Filho / Brazil News)
Thaila Ayala está grávida de Tereza, sua segunda filha (foto: Roberto Filho / Brazil News)

Resumo da Notícia:

  • Thaila Ayala volta a ter pensamentos depressivos durante a gestação

  • Mãe de Francisco, ela teve a doença durante a primeira gravidez

  • A atriz é casada com o ator Renato Góes, pai dos seus filhos

Thaila Ayala está grávida pela segunda vez e usou as redes sociais para falar de um tema sério: depressão. A atriz já havia dividido com os fãs sobre os momentos difíceis que passou durante a primeira gestação. Ela é casada com o ator Renato Góes e eles já são pais de Francisco de 1 ano. Ela agora está grávida de Theresa.

Em um vídeo compartilhado nas redes sociais, ela explica o que voltou a sentir recentemente durante a gestação de Tereza. “Fui fazer alguns exames dela e tive mais notícias tristes, desanimadoras. Mais porque já tive algumas. E não queria abrir os olhos", começou o relato.

A atriz destacou que há algum tempo tenta dividir a experiência com os seguidores, mas sempre desistia por motivos diversos, e então conseguiu finalmente fazer o depoimento. Foi quando ela teve uma nova onda de pensamentos ruins na última semana e entendeu que era hora de falar.

Thaila destacou como sua fé a ajudou a superar o momento. “Saber que todos podem ter essa experiência, mas que muitos desconhecem ou não sabem por onde começar como não sabia me fez deixar todos esses julgamentos de lado e só testemunhar o milagre diária da presença de Deus em minha vida e na vida da minha família”, avaliou.

Depressão

Em setembro de 2022, a atriz e influenciadora falou sobre a realidade do puerpério, e afirmou que teve uma experiência devastadora com um episódio de depressão pós-parto.

"A gravidez para mim foi o mais treta, sem dúvida. Para mim, foi o mais difícil. Foi a minha depressão, que eu nunca tinha tido. Foi o mais pesado. Mas, passada a gravidez, a amamentação e a privação do sono máxima dos primeiros meses, eu diria que a perda da individualidade. Você perde mesmo. Acabou. Não existem mais a sua individualidade e a sua identidade. É muito louco você saber muito quem você é e aonde você quer chegar e chegou. Você ter uma personalidade muito forte, decidida e do nada você não se reconhecer em nada, em nenhum pensamento. Não saber mais do que você gosta. Fora que você não tem mais tempo", desabafou ela em seus stories.

A atriz complementou: "Dói real, é muito louco, só quem passa sabe. Eu lembro que uma amiga me disse que era como fechar um livro pra começar outro do zero. Mas a real é que eu não queria fechar esse livro, demorei muito tempo para escrevê-lo. Mas esse livro fecha, querendo ou não. Cada linha desse livro foi suado, conquistado, batalhado, e de repente você está com as páginas em branco. Não tem nada a ver com amor, não é isso", completou.

Thaila também falou sobre as críticas que recebe nas redes sociais, e comentou que não aceita nenhuma opinião externa. "Comentário de internet significa zero para a minha pessoa. Eu trabalho com a minha imagem desde uma época em que nem Instagram existia. Eu já aprendi a lidar com essas coisas. O que aprendi e fiz na minha gravidez foi mandar todas as pessoas ao meu redor calarem a boca, porque eu não queria a opinião de ninguém. Se eu precisasse, pedia".