Theresa May diz não estar em 'outra galáxia' nas negociações do Brexit

A chefe do executivo britânico teria, assim, afirmado que deseja debater sobre um acordo comercial entre a UE e o Reino Unido antes de regular a sensível questão da conta do divórcio

A primeira-ministra britânica, Theresa May, afirmou neste domingo que não está em outra galáxia em relação às negociações com a UE sobre o Brexit, respondendo, assim, à acusação dos responsáveis europeus de ser muito exigente.

O assunto estava na primeira página neste domingo do The Sunday Times, que afirmou: "May vive em outra galáxia, segundo Bruxelas". A reportagem também relatava a reunião da última quarta-feira realizada em Londres entre May, o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker e o negociador europeu para o Brexit, Michel Barnier.

A chefe do executivo britânico teria, assim, afirmado que deseja debater sobre um acordo comercial entre a UE e o Reino Unido antes de regular a sensível questão da conta do divórcio, algo que a UE rejeita.

"Não foi muito bem", teria comentado Juncker à chanceler Angela Merkel enquanto explicava a ela por telefone o desenvolvimento da reunião. Esta informação chegou ao The Sunday Times através de um dos presentes na reunião.

"May está em outra galáxia. Pelo que aconteceu durante a reunião, é mais provável que haja uma ausência de acordo que um acordo", teria acrescentado o presidente da Comissão.

"Não estou em outra galáxia", respondeu May durante uma entrevista à BBC. "No entanto, acredito que estes comentários e outros que nos chegaram dos dirigentes europeus mostram que existirão momentos nos quais as negociações serão difíceis". Além disso, acrescentou que uma ausência de acordo seria preferível a um acordo ruim.

Durante a cúpula realizada em Bruxelas no sábado, os 27 dirigentes da UE adotaram por unanimidade as diretrizes que guiarão as negociações europeias.