Tia diz que mãe de Lázaro ainda não sabe de morte de filho

·1 minuto de leitura
Lazaro morre.jpeg

RIO – A tia de Lázaro Barbosa, criminoso que morreu após confronto com agentes da força-tarefa nesta segunda-feira, disse que está indo para Barra do Mendes, na Bahia, contar para Eva Maria de Souza, mãe de Lázaro, sobre a morte do filho. Em entrevista à TV Anhanguera, afiliada à TV Globo, Zilda Maria contou que ela estaria isolada, sem televisão e aparelho celular, pois a família já imaginava o desfecho do caso. Segundo Zilda, ainda não foi decidido se o corpo do sobrinho será enterrado na Bahia ou em Goiás.

Depois de 20 dias fugindo do cerco policial, Lázaro foi capturado e morto em Itamaracá, em Águas Lindas de Goiás, região onde estava sendo procurado desde a noite de domingo. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo o secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, o criminoso tinha uma rede de pessoas que o acobertaram durante esses dias em que passou fugindo da polícia na área rural dos municípios de Cocalzinho e Águas Lindas de Goiás. Lázaro teria feito ainda ameaças aos policiais quando foi visto em Águas Lindas, onde teria ido à casa da ex-sogra e da ex-mulher.

— Estava trocando de roupa mais uma vez: mais uma prova que tiinha uma rede que o acobertava. E essa questão de ele querer fugir também, patrocinado logicamente, mostra que tinha gente não interessada na prisão dele.

O secretário afirmou ainda que, ao ser colocado na ambulância, Lázaro estava vivo.

— Ele foi conduzido com vida mas chegou no hospital e foi a óbito — disse.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos