Tiago Leifert vai deixar a TV Globo após o ‘The Voice Brasil’

·2 minuto de leitura

Tiago Leifert vai deixar a TV Globo. A notícia foi divulgada na tarde desta quinta-feira em um comunicado da emissora. Seu último trabalho no canal vai ser apresentar a décima temporada do ‘The Voice Brasil’, que termina em 23 de dezembro. Ainda não estão definidos quais serão os apresentadores em 2022 dos dois programas comandados por Leifert, o "Big Brother Brasil" e o ‘The Voice Brasil’.

O paulistano Leifert, 41 anos, entrou na Globo em 2008 e já comandou programas como "Central da Copa", "Globo Esporte", "The Voice Brasil" e "The Voice Kids Brasil". Desde 2017, apresentava o Big Brother Brasil.

Apresentando as últimas cinco edições do BBB, Tiago deixou sua marca não apenas com seus bordões como “fogo no parquinho” e “textão não decide paredão”, mas também com edições históricas – uma delas garantiu o recorde mundial de votação popular em um reality show. Por diversas vezes substituiu colegas em seus programas e, mais recentemente, encarou a missão de comandar as tardes de domingo durante uma licença médica de Fausto Silva e, depois, no ‘Super Dança dos Famosos’.

O comunicado da TV Globo informa que "o apresentador amadureceu a vontade, que já havia manifestado no ano passado, de parar e preferiu não renovar seu contrato com a empresa, mas deixa as portas abertas para futuras parcerias" e traz uma declaração de Leifert:

“A ideia de parar surgiu no meio do ano passado e venho conversando com calma com a Globo desde então, esperando o momento ideal. E é agora! A sensação é a de sair da casa dos pais para encarar o mundo. Eu cresci aqui, como pessoa e como profissional. Aliás, faz 20 anos que saí de casa para estudar nos EUA com a missão de um dia trabalhar na Globo. Eu consegui muito mais do que imaginava, e estou no momento perfeito, pessoal e profissionalmente, para encerrar esse capítulo que durou duas décadas. Tudo deu certo, foi lindo demais. Saio maduro, sem pressa, feliz e pronto para o mundo que está à minha frente. Aqui dentro construí uma história linda no esporte, onde pude criar novos estilos e narrativas, fazer parte de três Copas do Mundo e uma Olimpíada. No entretenimento, pude estar presente na implementação de quatro formatos e estar à frente de 16 temporadas de realities, uma paixão do Brasil e também minha. Mais lindo ainda foi comandar o ‘Big Brother Brasil’, um fenômeno apaixonante, do qual sempre fui fã, e que teve edições recentes consideradas históricas. Eu tenho um caso de amor com a Globo. E por isso saio com a absoluta certeza de que posso me dar esse tempo e de que vou continuar sendo bem-vindo aqui a qualquer momento. Meu muito obrigado a todos que estiveram comigo. E em especial ao público, que sempre me acolheu”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos